AUTOEFICÁCIA DISCENTE NA FORMAÇÃO INICIAL DE ESTUDANTES UNIVERSITÁRIOS DE EDUCAÇÃO FÍSICA

Autores

  • William das Neves Salles Universidade Federal de Santa Catarina, Centro de Desportos, Programa de Pós-Graduação em Educação Física. Florianópolis, SC, Brasil.
  • Juarez Vieira do Nascimento Universidade Federal de Santa Catarina, Centro de Desportos, Departamento de Educação Física, Programa de Pós-Graduação em Educação Física. Florianópolis, SC, Brasil.
  • Júlio César Schmitt Rocha Universidade Federal de Santa Catarina, Centro de Desportos, Departamento de Educação Física. Florianópolis, SC, Brasil.
  • Edison Roberto de Souza Universidade Federal de Santa Catarina, Centro de Desportos, Departamento de Educação Física, Programa de Pós-Graduação em Educação Física. Florianópolis, SC, Brasil.

DOI:

https://doi.org/10.22456/1982-8918.54185

Palavras-chave:

Eficácia. Estudantes. Universidades. Competência profissional.

Resumo

Analisaram-se as inter-relações da autoeficácia (AE) discente com aspectos da formação inicial de 385 estudantes universitários de Educação Física. Foram aplicadas a Escala de Autoeficácia na Formação Superior e a Escala de Motivação Acadêmica aos estudantes, e os resultados revelaram diferenças significativas na AE discente, considerando-se as variáveis sexo, curso realizado, participação em atividades de pesquisa e extensão, Índice de Aproveitamento Acadêmico e Índice de Autodeterminação. As evidências ressaltam a importância da investigação aprofundada da AE no Ensino Superior, que pode contribuir para o desenvolvimento acadêmico-profissional do estudante e para a melhoria da qualidade dos cursos de graduação ofertados.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

William das Neves Salles, Universidade Federal de Santa Catarina, Centro de Desportos, Programa de Pós-Graduação em Educação Física. Florianópolis, SC, Brasil.

Mestre em Educação Física pela Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC). Membro do Núcleo de Pesquisa em Pedagogia do Esporte (NuPPE / CNPq), do Centro de Desportos (CDS/UFSC).

Juarez Vieira do Nascimento, Universidade Federal de Santa Catarina, Centro de Desportos, Departamento de Educação Física, Programa de Pós-Graduação em Educação Física. Florianópolis, SC, Brasil.

Professor Titular do Programa de Pós-Graduação em Educação Física (PPGEF/UFSC) e do Departamento de Educação Física (DEF/UFSC).

Júlio César Schmitt Rocha, Universidade Federal de Santa Catarina, Centro de Desportos, Departamento de Educação Física. Florianópolis, SC, Brasil.

Professor Associado do Departamento de Educação Física (DEF/UFSC).

Edison Roberto de Souza, Universidade Federal de Santa Catarina, Centro de Desportos, Departamento de Educação Física, Programa de Pós-Graduação em Educação Física. Florianópolis, SC, Brasil.

Professor Associado do Programa de Pós-Graduação em Educação Física (PPGEF/UFSC) e do Departamento de Educação Física (DEF/UFSC).

Publicado

2015-08-25

Como Citar

SALLES, W. das N.; NASCIMENTO, J. V. do; ROCHA, J. C. S.; SOUZA, E. R. de. AUTOEFICÁCIA DISCENTE NA FORMAÇÃO INICIAL DE ESTUDANTES UNIVERSITÁRIOS DE EDUCAÇÃO FÍSICA. Movimento, [S. l.], v. 21, n. 4, p. 1083–1097, 2015. DOI: 10.22456/1982-8918.54185. Disponível em: https://seer.ufrgs.br/index.php/Movimento/article/view/54185. Acesso em: 28 nov. 2022.

Edição

Seção

Artigos Originais