PROGRAMAS DE PÓS-GRADUAÇÃO STRICTO SENSU EM EDUCAÇÃO FÍSICA NO BRASIL: DIVERSIDADES EPISTEMOLÓGICAS NA SUBÁREA PEDAGÓGICA

Autores

  • Leonardo do Couto Gomes Universidade Federal do Paraná
  • Heitor Luiz Furtado UFPR
  • Marcílio Barbosa Mendonça de Souza Junior UPE
  • Marcelo Moraes e Silva UFPR

DOI:

https://doi.org/10.22456/1982-8918.84501

Palavras-chave:

Programas de pós-graduação. Educação Física. Ensino.

Resumo

O presente artigo objetivou mapear as diversidades epistemológicas na subárea pedagógica nos programas de pós-graduação em Educação Física das universidades brasileiras. Para isso foi realizado um estudo exploratório descritivo, tendo como fontes de dados a Plataforma Sucupira, Currículo Lattes e as páginas online dos programas. Foram encontrados 36 programas, com um corpo de 807 professores credenciados. Conclui-se a existência de um crescente e significativo aumento no número dos programas e docentes vinculados à subárea pedagógica, com a presença de uma heterogeneidade epistemológica nesta subárea, apesar de se constar uma predominância hegemônica da vertente biodinâmica nos programas de pós-graduação em Educação Física no Brasil.

 


Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Leonardo do Couto Gomes, Universidade Federal do Paraná

Aluno de mestrado pelo Programa de pós-graduação em Educação Física da Universidade Federal do paraná, na área de Esporte, Lazer e Sociedade (2018). Graduado em Educação Física - Licenciatura pela Universidade Federal do Paraná (2017). Estudos voltados a área sociocultural do esporte e da Educação Física, envolvendo História, Sociologia e Filosofia.

Heitor Luiz Furtado, UFPR

Possui Licenciatura Plena em Educação Física pela Fundação Universidade Regional de Blumenau FURB (2009). Mestre em Educação pela Universidade do Vale Do Itajaí UNIVALI (2012). Atualmente é doutorando do Programa de Pós-Graduação em Educação Física UFPR na linha de pesquisa Esporte, Lazer e Sociedade. Professor na Universidade Regional de Blumenau FURB e na Universidade do Vale do Itajaí. Possui experiência em educação física escolar, direcionando seus estudos para a área da epistemologia da educação física, futebol e futsal e história do esporte.

Marcílio Barbosa Mendonça de Souza Junior, UPE

Marcílio Souza Júnior é Doutor e Mestre em Educação pela Universidade Federal de Pernambuco (UFPE), Especialista em Pedagogia do Esporte pela mesma IES e Licenciado em Educação Física pela Universidade de Pernambuco (UPE). Atualmente é Professor adjunto da Escola Superior de Educação Física (ESEF) da UPE, atuando na graduação, na especialização e no Mestrado em Educação Física. Publicou artigos em periódicos especializados em Educação e Educação Física. Possui capítulos de livros e 1 livro publicados, tratando acerca dos aspectos históricos, pedagógicos e curriculares da Educação Física na escola de Educação Básica. Orientou vários trabalhos de conclusão de curso de graduação e monografias de especialização, principalmente na área de Educação Física. Atualmente coordena 1 projeto de pesquisa e participa de um outro. Atua na área de Educação, com ênfase em Currículos Específicos para Níveis e Tipos de Educação e na Educação Física com ênfase nas questões pedagógicas. Em suas atividades profissionais interagiu com vávios colaboradores em co-autorias de trabalhos científicos. Em seu currículo Lattes os termos mais freqüentes na contextualização da produção científica, tecnológica e artístico-cultural são: Educação, Educação Física, Currículo, Ensino, Didática, Esporte, Ensino superior, Escola, Prática Pedagógica e Formação profissional. É lider do Grupo de Pesquisa Estudos Etnográficos em Educação Física e Esporte (ETHNÓS) da ESEF-UPE e faz parte do Grupo de Pesquisa Formação de Professores e Profissionalização Docente do Programa de Pós-Graduação em Educação da UFPE.

Marcelo Moraes e Silva, UFPR

Possui graduação em Educação Física e Mestrado em Educação pela Universidade Federal do Paraná. Doutorado em Educação na Universidade Estadual de Campinas. Realizou estágio de Pós-Doutorado em Educação Física pela Universidade Federal do Paraná. Professor Adjunto do Departamento de Educação Física da Universidade Federal do Paraná, ministrando aulas na graduação e no Programa de Pós-Graduação em Educação Física da mesma universidade. Exerce desde de 2016 a Editoria de Seção Sociocultural na Revista Brasileira de Ciência e Movimento (RBCM) e a partir de 2017 é um dos Editores Chefes do The Journal of the Latin American Socio-cultural Studies of Sport (ALESDE). Associado a Société française d?histoire du sport (SFHS), European Committee for the History of Sports (CESH), Associação Latina de Filosofia do Desporto (ALFiD) e Asociación Latinoamericana de Estudios Socioculturales del Deporte (ALESDE). Atua principalmente nos seguintes temas de investigação: Epistemologia da Educação Física/Esportes; Filosofia do Esporte; História do Esporte. Políticas Públicas de Esporte

Downloads

Publicado

2019-02-27

Como Citar

GOMES, L. do C.; FURTADO, H. L.; SOUZA JUNIOR, M. B. M. de; MORAES E SILVA, M. PROGRAMAS DE PÓS-GRADUAÇÃO STRICTO SENSU EM EDUCAÇÃO FÍSICA NO BRASIL: DIVERSIDADES EPISTEMOLÓGICAS NA SUBÁREA PEDAGÓGICA. Movimento, [S. l.], v. 25, p. e25012, 2019. DOI: 10.22456/1982-8918.84501. Disponível em: https://seer.ufrgs.br/index.php/Movimento/article/view/84501. Acesso em: 18 ago. 2022.

Edição

Seção

Artigos Originais