EDUCAÇÃO FÍSICA E TEORIA DAS CINCO PELES: UMA REVISÃO SISTEMÁTICA

Autores

  • Dênis Oliveira Decussatti Faculdade Maurício de Nassau. João Pessoa - PB.
  • Fábio Luís Santos Teixeira Universidade Federal da Paraíba (UFPB). Recife - PE.
  • Iraquitan Oliveira Caminha Universidade Federal da Paraíba (UFPB). João Pessoa - PB.

DOI:

https://doi.org/10.22456/1982-8918.55482

Palavras-chave:

Teoria das cinco peles. Hundertwasser. Educação Física.

Resumo

 

O objetivo deste estudo é compreender de que forma a Teoria das Cinco Peles é abordada na Educação Física. Realizamos uma busca de artigos em bases de dados utilizando descritores específicos. Registramos cinco estudos que põem em diálogo a Teoria das Cinco Peles e a Educação Física, admitindo elementos extracorpóreos como pertencentes ao próprio corpo. Os estudos associam os elementos extracorpóreos a relações de corresponsabilidade, vinculando a implicações sobre o meio ambiente. Conclui-se que há uma predominância em refletir sobre a quinta pele da teoria de Hundertwasser.

 

 

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Dênis Oliveira Decussatti, Faculdade Maurício de Nassau. João Pessoa - PB.

Dênis Decussatti é graduado em educação física pela Universidade Federal da Paraíba e mestre no programa multidisciplinar de desenvolvimento regional pela Universidade Estadual da Paraíba. Membro do laboratório LAISTHESIS - Laboratório de Estudos sobre Corpo, Estética e Sociedade, direciona suas pesquisas a temáticas ligadas a corpo, sociedade e cultura.

Fábio Luís Santos Teixeira, Universidade Federal da Paraíba (UFPB). Recife - PE.

Possui graduação plena em Educação Física pela ESEF/UPE. Especialização em docência em Filosofia e Sociologia - INSAF/ PE. Mestrado em Educação Física - UPE/ UFPB. Doutorando em Educação Física - UPE/ UFPB.

Iraquitan Oliveira Caminha, Universidade Federal da Paraíba (UFPB). João Pessoa - PB.

Iraquitan de Oliveira Caminha é graduado em educação física e filosofia, ambos pela Universidade Federal da Paraíba. Mestre em Filosofia pela Universidade Federal da Paraíba (1996). Doutor em Filosofia pela Université Catholique de Louvain (2001). Líder dos grupos de pesquisa: LAISTHESIS - Laboratório de Estudos sobre Corpo, Estética e Sociedade e do Grupo de Estudos de FILOSOFIA DA PERCEPÇÃO. Membro do LABORE - Laboratório de Psicopatologia Fundamental do EPSI (Espaço Psicanalítico) e do NEPPE - Núcleo de Estudos e Pesquisas em Psicanálise e Educação do EPSI. Autor do livro O distante-próximo e o próximo-distante: corpo e percepção na filosofia de Merleau-Ponty e de vários artigos e capítulos de livros sobre Corpo, Ética, Educação Física, Esporte, Filosofia, Educação e Psicanálise. 

Downloads

Publicado

2015-12-11

Como Citar

DECUSSATTI, D. O.; TEIXEIRA, F. L. S.; CAMINHA, I. O. EDUCAÇÃO FÍSICA E TEORIA DAS CINCO PELES: UMA REVISÃO SISTEMÁTICA. Movimento, [S. l.], v. 22, n. 1, p. 337–346, 2015. DOI: 10.22456/1982-8918.55482. Disponível em: https://seer.ufrgs.br/index.php/Movimento/article/view/55482. Acesso em: 3 fev. 2023.

Edição

Seção

Ensaios