O futebol no campo afetivo da história

Autores

  • Luiz Carlos Ribeiro

DOI:

https://doi.org/10.22456/1982-8918.2851

Palavras-chave:

Teoria da História. História do Futebol. Metodologia

Resumo

Problematizando a visão racional e pragmática que ainda predomina nas ciências sociais, o presente artigo propõe uma discussão epistemológica para o estudo do futebol como objeto científico. Em síntese, a proposta da apreensão dos sentimentos de afetividade e paixão, como meandros para a compreensão do futebol para além do racional e do pragmático.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Downloads

Publicado

2007-12-26

Como Citar

RIBEIRO, L. C. O futebol no campo afetivo da história. Movimento, [S. l.], v. 10, n. 3, p. 99–111, 2007. DOI: 10.22456/1982-8918.2851. Disponível em: https://seer.ufrgs.br/index.php/Movimento/article/view/2851. Acesso em: 30 jun. 2022.

Edição

Seção

Em foco