Educação física, qualidade de vida e saúde: campos de intersecção e reflexões sobre a intervenção

Autores

  • Fabiano Pries Devide

DOI:

https://doi.org/10.22456/1982-8918.2644

Palavras-chave:

Educação Física. Qualidade de Vida. Saúde. Escola.

Resumo

Este ensaio tem por objetivo refletir sobre as relações entre a Educação Física a Qualidade de Vida e a Saúde. Posiciona a Saúde como foco da discussão, considerando-a área de intersecção entre as duas primeiras, elemento-chave nas representações sociais sobre a Educação Física, e possivelmente sobre a Qualidade de Vida. São discutidos aspectos relacionados à complexidade e dinamicidade do que se denomina Qualidade de Vida; sobre as relações entre a Educação Física e a Saúde na escola; assim como suas contribuições para uma reflexão acerca do neologismo da Qualidade de Vida e as relações recentemente estabelecidas com a área. Propõe-se uma reorientação sobre o entendimento destas relações, em direção à superação da noção de causalidade entre Exercício-Saúde-Qualidade de Vida, através da fragilização das responsabilidades e compromissos da Educação Física frente às questões relacionadas à melhoria da Qualidade de Vida e da Saúde.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Downloads

Publicado

2002-09-05

Como Citar

DEVIDE, F. P. Educação física, qualidade de vida e saúde: campos de intersecção e reflexões sobre a intervenção. Movimento, [S. l.], v. 8, n. 2, p. 77–84, 2002. DOI: 10.22456/1982-8918.2644. Disponível em: https://seer.ufrgs.br/index.php/Movimento/article/view/2644. Acesso em: 30 jun. 2022.

Edição

Seção

Ensaios