EDITORIAL

Autores

  • O Editor UFRGS

DOI:

https://doi.org/10.22456/1982-8918.2629

Palavras-chave:

Revista. Educação Física.

Resumo

Nesta edição mantivemos, além do seu conteúdo altamente especializado, algumas de suas inúmeras qualidades editoriais como a regularidade na publicação e o padrão gráfico, esteticamente bem constituído. Com tudo isso, o paradoxo que se apresenta é que a comunidade envolvida no Programa de Pós-Graduação em Ciências do Movimento Humano da Escola de Educação Física da Universidade Federal do Rio Grande do Sul concretiza essas ações e suas metas institucionais em um cenário político adverso à Universidade Pública. Dessa forma, seus professores, estudantes e funcionários, resistindo às políticas governamentais que levam a Universidade Pública para a morte por asfixia com mais de 100 dias de greve, concretizam a etapa mais nobre do processo de produção de conhecimento: socializá-lo e disponibilizá-lo para o bom uso da comunidade. Os textos são a materialidade desse processo.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Downloads

Publicado

2007-12-04

Como Citar

EDITOR, O. EDITORIAL. Movimento, [S. l.], v. 7, n. 15, p. 7, 2007. DOI: 10.22456/1982-8918.2629. Disponível em: https://seer.ufrgs.br/index.php/Movimento/article/view/2629. Acesso em: 28 jan. 2023.

Edição

Seção

Editorial