O PERFIL DA PRODUÇÃO CIENTÍFICA ONLINE EM PORTUGUÊS RELACIONADA ÀS MODALIDADES OLÍMPICAS E PARALÍMPICAS

Autores

  • Doralice Lange Souza UFPR
  • Marcelo Moraes e Silva UFPR
  • Tatiana Sviesk Moreira UFPR

DOI:

https://doi.org/10.22456/1982-8918.64591

Palavras-chave:

Atividades científicas e tecnológicas. Pesquisa. Publicações periódicas. Esportes.

Resumo

 O objetivo deste trabalho foi explorar o perfil da produção científica online em português relacionada às modalidades esportivas olímpicas e paralímpicas. Foram consultados o Lilacs, Medline, Scielo e Portal de Periódicos da Capes. Tomaram-se como descritores os nomes oficiais das modalidades e termos correlatos. Localizaram-se 2.007 artigos, 2.000 sobre modalidades de verão e sete de inverno. Dentre os que discutem modalidades de verão, 1.956 se referem às olímpicas e 52 às paralímpicas. A modalidade olímpica de verão com mais produção é o futebol (608 trabalhos) e a paralímpica é a natação (13). A maioria dos artigos versa sobre treinamento (773). Dos 3.531 autores listados nos artigos, 1.965 têm formação em Educação Física/Esporte. Os principais centros de produção estão em São Paulo. Este estudo oferece subsídios para o fomento de pesquisas em áreas mais necessitadas e estratégicas do esporte.

 

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Doralice Lange Souza, UFPR

Doutora em Educação pela Harvard University (2000). Atua nos cursos de graduação e no programa de pós-graduação em Educação Física da UFPR (mestrado e doutorado).

Marcelo Moraes e Silva, UFPR

Mestre em Educação UFPR
Doutor em Educação UNICAMP
Realizou estágio de Pós-Doutorado em Educação Física UFPR
Professor do Departamento de Educação Física e do Programa de Pós-Graduação em Educação Física - UFPR

Tatiana Sviesk Moreira, UFPR

Mestre em Educação Física - UFPR

Doutoranda em Educação Física - UFPR

Downloads

Publicado

2016-12-18

Como Citar

SOUZA, D. L.; MORAES E SILVA, M.; MOREIRA, T. S. O PERFIL DA PRODUÇÃO CIENTÍFICA ONLINE EM PORTUGUÊS RELACIONADA ÀS MODALIDADES OLÍMPICAS E PARALÍMPICAS. Movimento, [S. l.], v. 22, n. 4, p. 1105–1120, 2016. DOI: 10.22456/1982-8918.64591. Disponível em: https://seer.ufrgs.br/index.php/Movimento/article/view/64591. Acesso em: 3 dez. 2022.

Edição

Seção

Artigos Originais