MAS, AFINAL, O QUE É EDUCAÇÃO FÍSICA?: UM EXEMPLO DO SIMPLISMO INTELECTUAL.

Autores

  • Celi Nelza Zulke Taffarel Professora Adjunta do Departamento de Educação Física do Centro de Ciências da Saúde da Universidade Federal de Pernambuco. Doutora em Educação, UNICAMP.
  • Micheli Ortega Escobar Professora Adjunta do Departamento de Educação Física do Centro de Ciências da Saúde da Universidade Federal de Pernambuco. Mestranda em Educação, UNICAMP.

DOI:

https://doi.org/10.22456/1982-8918.2013

Palavras-chave:

Educação física. Filosofia. Ciências. Idealismo. Materialismo histórico-didático.

Resumo

O trabalho expõe uma crítica às concepções idealistas que se constituem em referências para o autor do artigo "Mas, afinal, o que é educação física?" e procura responder aos problemas, de ordem filosófica, epistemológica, metodológica e política, levantados pela pergunta. As contribuições das autoras surgem da radicalização da crítica a partir do marco teórico e metodológico materialista-histórico-dialético.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Celi Nelza Zulke Taffarel, Professora Adjunta do Departamento de Educação Física do Centro de Ciências da Saúde da Universidade Federal de Pernambuco. Doutora em Educação, UNICAMP.

Artigo digitalizado

Micheli Ortega Escobar, Professora Adjunta do Departamento de Educação Física do Centro de Ciências da Saúde da Universidade Federal de Pernambuco. Mestranda em Educação, UNICAMP.

Artigo digitalizado

Downloads

Publicado

1994-05-08

Como Citar

TAFFAREL, C. N. Z.; ESCOBAR, M. O. MAS, AFINAL, O QUE É EDUCAÇÃO FÍSICA?: UM EXEMPLO DO SIMPLISMO INTELECTUAL. Movimento, [S. l.], v. 1, n. 1, p. 35–40, 1994. DOI: 10.22456/1982-8918.2013. Disponível em: https://seer.ufrgs.br/index.php/Movimento/article/view/2013. Acesso em: 29 jun. 2022.

Edição

Seção

Temas Polêmicos