A constituição do trabalho escravo como um acontecimento

Autores

  • Geise do Socorro Lima Gomes Psicóloga no NASF, formada na UFPA. Mestre em Psicologia pela UFPA. Doutoranda em Educação na UFPA.
  • Flavia Cristina Silveira Lemos Psicóloga, Mestre em Psicologia e Doutora em História (UNESP). Profa. adjunta III em Psicologia Social na graduação e na Pós-graduação em Psicologia (UFPA).

DOI:

https://doi.org/10.22456/2238-152X.40416

Palavras-chave:

Trabalho escravo, Documentos, História.

Resumo

O artigo visa debate a criação do objeto trabalho escravo em um campo de lutas de saber e poder em que o mesmo é resultante de práticas datadas e múltiplas, heterogêneas e raras. Também descreve um conjunto de lugares institucionais e posições de sujeito constituídas no bojo da elaboração do objeto, concomitantes aos conceitos e condições de possibilidade de aparecimento do acontecimento que ora é analisado. A política produzida como proteção frente ao jogo de tentativas de definição do objeto é correlata de uma maneira de pensar o mesmo e de descrever o mesmo que ainda provisoriamente, já que as lutas ainda estão se configurando e apenas batalhas foram ganhas.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Geise do Socorro Lima Gomes, Psicóloga no NASF, formada na UFPA. Mestre em Psicologia pela UFPA. Doutoranda em Educação na UFPA.

Psicóloga no NASF, formada na UFPA. Mestre em Psicologia pela UFPA. Doutoranda em Educação na UFPA.

Flavia Cristina Silveira Lemos, Psicóloga, Mestre em Psicologia e Doutora em História (UNESP). Profa. adjunta III em Psicologia Social na graduação e na Pós-graduação em Psicologia (UFPA).

Faculdade de Psicologia/IFCH (UFPA). Coordenadora do Programa de Pós-graduação em psicologia (UFPA). Conselheira titular no CFP (gestão 2011-2013).

Downloads

Publicado

2013-08-05

Como Citar

Gomes, G. do S. L., & Lemos, F. C. S. (2013). A constituição do trabalho escravo como um acontecimento. Revista Polis E Psique, 3(1), 66. https://doi.org/10.22456/2238-152X.40416

Edição

Seção

Artigos

Artigos mais lidos pelo mesmo(s) autor(es)