AS LINHAGENS DA SOCIOLOGIA DO FUTEBOL BRASILEIRO – UM PROGRAMA DE ANÁLISE

Autores

  • Juliano de Souza Universidade Estadual de Maringá
  • Wanderley Marchi Júnior Universidade Federal do Paraná

DOI:

https://doi.org/10.22456/1982-8918.55428

Palavras-chave:

Sociologia. Futebol. Conhecimento. Brasil.

Resumo

Ao longo deste texto, procuramos apresentar um programa de análise que permita revisitar, de um ponto de vista crítico e reflexivo, a produção de conhecimento no campo da Sociologia do Futebol no Brasil. Para dar conta desse objetivo, o manuscrito foi dividido em duas partes. Na primeira delas, serão apresentadas algumas questões de ordem teórica e metodológica que foram centrais na tentativa de levarmos a efeito o exercício de “escavamento genealógico” das linhagens da Sociologia do Futebol brasileiro. Na segunda parte do texto, por sua vez, serão expostas, em linhas gerais, algumas das particularidades analíticas das quatro “famílias intelectuais” da Sociologia do Futebol brasileiro que foi possível identificarmos.


 

 

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Juliano de Souza, Universidade Estadual de Maringá

Departamento de Educação Física da Universidade Estadual de Maringá (UEM) - Centro de Ciências da Saúde

Wanderley Marchi Júnior, Universidade Federal do Paraná

Departamento de Educação Física da Universidade Federal do Paraná (UFPR) - Setor de Ciências Biológicas

Downloads

Publicado

2017-03-29

Como Citar

SOUZA, J. de; MARCHI JÚNIOR, W. AS LINHAGENS DA SOCIOLOGIA DO FUTEBOL BRASILEIRO – UM PROGRAMA DE ANÁLISE. Movimento, [S. l.], v. 23, n. 1, p. 101–118, 2017. DOI: 10.22456/1982-8918.55428. Disponível em: https://seer.ufrgs.br/index.php/Movimento/article/view/55428. Acesso em: 2 jul. 2022.

Edição

Seção

Artigos Originais