ESPRAIAMENTO DISCURSIVO DA CULTURA DO FITNESS NA CONTEMPORANEIDADE

Autores

  • Maria Simone Vione Schwengber Universidade Regional do Noroeste do Estado do Rio Grande do Sul. Ijui, RS UNIJUÍ
  • Caterine de Moura Brachtvogel Universidade Regional do Noroeste do Estado do Rio Grande do Sul - UNIJUÍ. Ijuí, RS, Brasil.
  • Rodrigo Saballa de Carvalho Universidade Federal do Rio Grande do Sul - UFRGS. Porto Alegre, RS, Brasil.

DOI:

https://doi.org/10.22456/1982-8918.83071

Palavras-chave:

Corpo humano. Construção social da identidade. Estilo de vida.

Resumo

A emergência da cultura do fitness na contemporaneidade mostra-se como um espaço discursivo que se espraia, produzindo certa memória social. A partir dessa percepção, questionamos: quais são as condições de emergência do espraiamento da cultura do fitness? Para pensar essas condições, utilizamos alguns dos rastros históricos de emergência de inspiração foucaultiana, o que nos conduziu na construção teórico-metodológica do artigo. Apontamos como resultados que: os discursos fitness se gestam na linguagem contemporânea por relações de saber-poder da positividade da vida e dos corpos; a biopolítica, por meio da operação dos argumentos da produção muscular (exercício corporal), cria-produz “efeitos de verdades” associados ao desenvolvimento do capitalismo e do consumo, o que tem gerado uma nova economia política do discurso do fitness, valendo-se de um lugar moral identitário – ser fitness, em um trabalho sobre si, testemunha de valores de vigor, saúde, força de vontade, controle.

 

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Maria Simone Vione Schwengber, Universidade Regional do Noroeste do Estado do Rio Grande do Sul. Ijui, RS UNIJUÍ

Professora Doutora do Programa de Pós-Graduação Mestrado e Doutorado em Educação nas Ciências - UNIJUÍ.

Caterine de Moura Brachtvogel, Universidade Regional do Noroeste do Estado do Rio Grande do Sul - UNIJUÍ. Ijuí, RS, Brasil.

Professora de Educação Física. Mestra em Educação nas Ciências (UNIJUÍ). Doutoranda em Educação nas Ciências (UNIJUÍ).

Rodrigo Saballa de Carvalho, Universidade Federal do Rio Grande do Sul - UFRGS. Porto Alegre, RS, Brasil.

Professor do Programa de Pós-Graduação em Educação da Universidade Federal do Rio Grande do Sul (PPGEDU/UFRGS). Professor do Curso de Pedagogia da Faculdade de Educação Da UFRGS no Departamento de Estudos Especializados (DEE). Pós - Doutor em Educação (UFPEL), Doutor em Educação (UFRGS) e Mestre em Educação (UFRGS). 

Downloads

Publicado

2019-01-06

Como Citar

SCHWENGBER, M. S. V.; BRACHTVOGEL, C. de M.; CARVALHO, R. S. de. ESPRAIAMENTO DISCURSIVO DA CULTURA DO FITNESS NA CONTEMPORANEIDADE. Movimento, [S. l.], v. 24, n. 4, p. 1167–1178, 2019. DOI: 10.22456/1982-8918.83071. Disponível em: https://seer.ufrgs.br/index.php/Movimento/article/view/83071. Acesso em: 28 maio. 2022.

Edição

Seção

Artigos Originais