Do dialogismo aos sentidos da dupla autoria nos making ofs documentários

Patrícia de Oliveira Iuva

Resumo


A proposta deste trabalho discute o encontro entre as instâncias diretivas autorais na expressão audiovisual do making of documentário. Tomamos como horizonte teórico a construção social da autoria proposta por Pierre Bourdieu (1996a, 2013) e as noções de posicionamento e dialogismo trabalhadas por Bakhtin (2006), a fim de explicitar caminhos alternativos para as teorias do autor no cinema. Partindo de uma relação dialógica com o filme e seu respectivo auteur, analisamos o discurso dos making ofs documentários na configuração do espaço autoral dos respectivos diretores, Les Blank e Charles de Lauzirika, cujos enunciados manifestam sentidos de uma dupla autoria: voyeur-exibicionista e flâneur-dândi.


Palavras-chave


Autoria. Making of documentário. Campo. Dialogismo. Discurso.

Texto completo:

PDF


DOI: https://doi.org/10.19132/1807-8583202048.84-104



Intexto | E-ISSN 1807-8583 | Facebook | Google Scholar 

Classificação Qualis: B1 - Comunicação, Informação, História, Letras/Linguística  | B2 - Psicologia | B3 - Ciência Política e Relações Internacionais, Arquitetura, Urbanismo e Design, Ciências Ambientais, Interdisciplinar | B4 - Sociologia. 

Programa de Pós-graduação em Comunicação | Universidade Federal do Rio Grande do Sul

Rua Ramiro Barcelos, 2705 sala 519 - Porto Alegre, RS, Brasil | E-mail: Intexto @ufrgs.br

Membro Associação Brasileira de Editores Científicos 

Signatária DORA (San Francisco Declaration on Research Assessment)