Estratégias de trabalho docente no ensino de criação publicitária: a atividade de orientação como situação de aprendizagem

Autores

  • Fábio Hansen Universidade Federal do Paraná | UFPR
  • Juliana Petermann Universidade Federal de Santa Maria | UFSM
  • Rodrigo Stéfani Correa Universidade Federal de Pernambuco | UFPE

DOI:

https://doi.org/10.19132/1807-8583201636.163-182

Palavras-chave:

Ensino. Criação publicitária. Processo de orientação. Formação publicitária. Trabalho docente.

Resumo

Em uma investigação apoiada pelo MCTI/CNPq, realizada em parceria interinstitucional entre a UFPE, a UFSM e a UFPR, buscamos examinar as práticas pedagógicas adotadas pelos docentes que atuam em disciplinas cuja finalidade é o ensino de criação publicitária. Atenção especial recai ao processo de orientação - estratégia de ensino em que o professor acompanha os estudantes de forma sistemática e colabora na superação de dificuldades. Observamos, a partir do trabalho de campo ancorado em gravações de aulas em áudio e vídeo, que o professor publicitário necessita de contínua formação para converter a atividade de orientação em um instante estratégico de troca de conhecimento, interação e produção de sentido, a fim de favorecer a mediação e a formação de um ambiente adequado para aprendizagem em que o estudante queira se lançar nos desafios do querer aprender criatividade.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Fábio Hansen, Universidade Federal do Paraná | UFPR

Publicitário, Doutor em Letras pela UFRGS. Professor no Departamento de Comunicação Social da Universidade Federal do Paraná (UFPR) e Professor permanente no Programa de Pós-Graduação em Comunicação (PPGCOM UFPR) na linha de pesquisa Comunicação, Educação e Formações Socioculturais. Autor do livro (In)verdades sobre os profissionais de criação: poder, desejo, imaginação e autoria. Pesquisador nos Grupos de Pesquisa certificados no CNPq: Ensino Superior de Publicidade e Propaganda e Estudos sobre Comunicação, Consumo e Sociedade.

Juliana Petermann, Universidade Federal de Santa Maria | UFSM

Possui graduação em Comunicação Social - Publicidade e Propaganda pela Universidade Federal de Santa Maria (2003), mestrado em Linguística Aplicada pela Universidade Federal de Santa Maria (2006), doutorado em Ciências da Comunicação pela Universidade do Vale do Rio dos Sinos (UNISINOS). Atualmente é professora adjunta do Departamento de Ciências da Comunicação da Universidade Federal de Santa Maria. Atua principalmente nos seguintes temas: criação publicitária, marcas e seus discursos, estratégias de significação, análise do discurso verbal e não-verbal, gêneros do discurso.

Rodrigo Stéfani Correa, Universidade Federal de Pernambuco | UFPE

Doutor em Comunicação e Semiótica pela Pontifícia Universidade Católica de São Paulo, atua como professor Adjunto na Universidade Federal de Pernambuco - UFPE, onde aplica-se aos estudos e pesquisas em duas áreas distintas: Processos Criativos e Estudos de Mercado. Mestre em Ciências da Computação pela Universidade Federal de Santa Catarina e membro pesquisador do grupo de pesquisa CNPq/UFPE - Publicidade nas Novas Mídias, com publicação do Livro Propaganda Digital e líder do Grupo de Pesquisa  Ensino Superior de Publicidade e Propaganda. Experiência profissional no campo da Comunicação Digital e Linguagem Publicitária Multimídia. Graduado em Publicidade (UNOESTE) e Especialista em Marketing pela Escola Superior de Propaganda e Marketing (ESPM).

Downloads

Publicado

2016-08-26

Como Citar

Hansen, F., J. Petermann, e R. S. Correa. “Estratégias De Trabalho Docente No Ensino De criação publicitária: A Atividade De orientação Como situação De Aprendizagem”. Intexto, nº 36, agosto de 2016, p. 163-82, doi:10.19132/1807-8583201636.163-182.

Edição

Seção

Artigos