CONFIGURAÇÕES DE IDENTIDADES ÉTNICAS EM ASSOCIAÇÕES ESPORTIVAS: PRÁTICAS E REPRESENTAÇÕES CULTURAIS

Autores

  • Alice Beatriz Assmann Universidade Federal do Rio Grande do Sul
  • Janice Zarpellon Mazo Universidade Federal do Rio Grande do Sul

DOI:

https://doi.org/10.22456/1982-8918.65696

Palavras-chave:

Grupos étnicos. História. Esportes. Migração.

Resumo

A presente pesquisa investiga como as associações esportivas de tiro ao alvo e cavalaria de Santa Cruz do Sul se configuraram em espaços de representações de identidades étnicas, entre o final do século XIX e começo do XX. As fontes impressas analisadas evidenciaram que os atiradores e cavaleiros afirmavam e reconfiguravam representações de identidades teuto-brasileiras através das associações esportivas, de forma plural e fluida, em uma relação dinâmica com o espaço sociocultural.

 

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Alice Beatriz Assmann, Universidade Federal do Rio Grande do Sul

Doutoranda do Programa de Pós-Graduação em Ciências do Movimento Humano (PPGCMH) da Universidade Federal do Rio Grande do Sul (UFRGS).

Janice Zarpellon Mazo, Universidade Federal do Rio Grande do Sul

Professora Doutora da Universidade Federal do Rio Grande do Sul.

Downloads

Publicado

2017-06-21

Como Citar

ASSMANN, A. B.; MAZO, J. Z. CONFIGURAÇÕES DE IDENTIDADES ÉTNICAS EM ASSOCIAÇÕES ESPORTIVAS: PRÁTICAS E REPRESENTAÇÕES CULTURAIS. Movimento, [S. l.], v. 23, n. 2, p. 503–516, 2017. DOI: 10.22456/1982-8918.65696. Disponível em: https://seer.ufrgs.br/index.php/Movimento/article/view/65696. Acesso em: 5 jul. 2022.

Edição

Seção

Artigos Originais

Artigos Semelhantes

Você também pode iniciar uma pesquisa avançada por similaridade para este artigo.