Dança e expressividade: uma aproximação com a fenomenologia

Autores

  • Danieli Alves Pereira Marques UFSC
  • Aguinaldo César Surdi UNOESC
  • José Tarcísio Grunennvaldt UFMT
  • Elenor Kunz UFSC

DOI:

https://doi.org/10.22456/1982-8918.26494

Palavras-chave:

Dança. Expressividade. Corpo-próprio.

Resumo

Resumo: Este ensaio tem por objetivo ler a dança a partir de uma perspectiva fenomenológica, compreendendo como ela, enquanto expressão humana, expressão criadora, se aproxima dessa concepção. A intenção dessa reflexão é destacar a dança, sendo arte e cultura, como possibilidade infinita de criação e ressignificação humana. Como abertura para o outro no espaço e no tempo, a experiência dançante renasce numa nova vivência espaço-temporal, permanecendo aberta a diferentes formas de interpretação, atualizando significações, que são intencionadas tanto por quem dança, quanto por quem a aprecia.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Danieli Alves Pereira Marques, UFSC

Mestre em Educação Física pela Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC). Especialista em Dança e Consciência Corporal pela Universidade Gama Filho (UGF)

Aguinaldo César Surdi, UNOESC

Doutorando em Educação Física – UFSC. Professor da UNOESC, Videira, SC.

José Tarcísio Grunennvaldt, UFMT

Doutor em Educação. Pós-doutorando em Educação Física – UFSC. Professor da UFMT.

Elenor Kunz, UFSC

Doutor em Educação Física. Professor do Centro de Desportos e do Programa de Pós Graduação em Educação Física – UFSC.

Downloads

Publicado

2012-11-04

Como Citar

PEREIRA MARQUES, D. A.; SURDI, A. C.; GRUNENNVALDT, J. T.; KUNZ, E. Dança e expressividade: uma aproximação com a fenomenologia. Movimento, [S. l.], v. 19, n. 1, p. 243–263, 2012. DOI: 10.22456/1982-8918.26494. Disponível em: https://seer.ufrgs.br/index.php/Movimento/article/view/26494. Acesso em: 5 dez. 2022.

Edição

Seção

Ensaios