A cultura da mídia no Rio Grande do Sul/Brasil: o caso MST e Jornal do Almoço

Fábio Souza da Cruz

Resumo


O trabalho apresenta um estudo envolvendo um movimento social – o Movimento dos Trabalhadores Rurais Sem-Terra (MST) – e a mídia do estado do Rio Grande do Sul, mais especificamente o Jornal do Almoço (JA), noticiário televisivo local que pertence à RBS TV, emissora da Rede Brasil Sul de Comunicação (RBS). São entrevistados membros do Movimento com vistas a colher dados e posicionamentos sobre a forma pela qual o MST se vê no JA . O corpus desta pesquisa é constituído por edições veiculadas pelo JA durante o “Abril Vermelho”, período que caracterizou um mês de manifestações dos mais diversos tipos, anunciadas e realizadas pelo MST no ano de 2004. São adotados os pressupostos teórico-metodológicos de Douglas Kellner e a Pedagogia Crítica da Mídia, e Jesús Martín-Barbero e a perspectiva das mediações.


Palavras-chave


Cultura da mídia. Mediações. Movimentos sociais. Telejornalismo.

Texto completo:

PDF




Intexto | E-ISSN 1807-8583 | Facebook | Google Scholar 

Classificação Qualis: B1 - Comunicação, Informação, História, Letras/Linguística  | B2 - Psicologia | B3 - Ciência Política e Relações Internacionais, Arquitetura, Urbanismo e Design, Ciências Ambientais, Interdisciplinar | B4 - Sociologia. 

Programa de Pós-graduação em Comunicação | Universidade Federal do Rio Grande do Sul

Rua Ramiro Barcelos, 2705 sala 519 - Porto Alegre, RS, Brasil | E-mail: Intexto @ufrgs.br

Membro Associação Brasileira de Editores Científicos 

Signatária DORA (San Francisco Declaration on Research Assessment)