A entrevista de pesquisa com jornalistas: algumas estratégias metodológicas

Fabio H Pereira, Laura Maria Naves

Resumo


Neste artigo analisamos as especificidades da entrevista de pesquisa com jornalistas. Partindo de uma abordagem interacionista e etnográfica, discutimos o processo de condução das interações entre entrevistador-entrevistado e as modalidades de restituição do discurso dos jornalistas em relatos de pesquisa. Partimos de nossa experiência com entrevistas realizadas em diferentes situações de pesquisa. De modo geral, a entrevista de pesquisa com jornalistas exige certas precauções com relação à constituição de um corpus de pesquisa representativo, na realização de entrevistas mais longas e flexíveis e no desenvolvimento de mecanismos de resgate da memória dos entrevistados e também minimização da linha oficial no discurso dos informantes.

Palavras-chave


Entrevista. Jornalista. Metodologia de Pesquisa.

Texto completo:

PDF




Intexto | E-ISSN 1807-8583 | Facebook | Google Scholar 

Classificação Qualis: B1 - Comunicação, Informação, História, Letras/Linguística  | B2 - Psicologia | B3 - Ciência Política e Relações Internacionais, Arquitetura, Urbanismo e Design, Ciências Ambientais, Interdisciplinar | B4 - Sociologia. 

Programa de Pós-graduação em Comunicação | Universidade Federal do Rio Grande do Sul

Rua Ramiro Barcelos, 2705 sala 519 - Porto Alegre, RS, Brasil | E-mail: Intexto @ufrgs.br

Membro Associação Brasileira de Editores Científicos 

Signatária DORA (San Francisco Declaration on Research Assessment)