A editora universitária e o compromisso da universidade com as práticas de divulgação do conhecimento produzido

Leilah Santiago Bufrem, Tânia Maria Braga Garcia

Resumo


Apresenta resultados de leituras, observação e pesquisa exploratória sobre as editoras universitárias no Brasil, diante dos desafios e tensões da institucionalização de suas práticas, de modo especial relativas ao compromisso acadêmico frente aos imperativos de mercado, à valorização dos periódicos como veículos privilegiados da comunicação científica e às condições estruturais, burocráticas e financeiras das editoras, diante das possibilidades de conciliar modos de produção e essas condições. Realiza pesquisa bibliográfica e entrevistas com diretores das editoras universitárias brasileiras. Conclui destacando a posição de editores universitários em prol do ideal acadêmico, presente em todos os depoimentos, indicando a necessidade de rever estruturas e modos de produção, sem que se perca a dimensão social e política das editoras e o compromisso institucional da universidade.

Palavras-chave


Editoras universitárias. Práticas editoriais. Editores universitários

Texto completo:

RESUMO PDF




Em Questão | ISSN 1808-5245 | EQ no Facebook | EQ no Google Scholar

Classificação Qualis: A2 - Comunicação e Informação; B2 - Ciências Ambientais; B3 - Administração, Ciências Contábeis e Turismo; B4 - Sociologia; B5 - Engenharias I.

Programa de Pós-graduação em Comunicação  | Universidade Federal do Rio Grande do Sul

Rua Ramiro Barcelos, 2705, sala 519 | CEP 90035-007 | Porto Alegre, RS, Brasil | Fone: (51) 3308 2141| E-mail: emquestao @ufrgs.br 

Membro da Associação Brasileira de Editores Científicos 

Signatária do San Francisco Declaration on Research Assessment (DORA)