Avaliação do Ciclo de Vida de diferentes envoltórias para habitações de interesse social em Florianópolis

Autores

Palavras-chave:

Avaliação do ciclo de vida, Simulação computacional de edificações, Habitações de interesse social

Resumo

Quando um componente construtivo é selecionado para melhorar o desempenho da edificação ao longo de sua operação, deve-se verificar o seu impacto ao longo de todo o ciclo de vida para assegurar a redução dos impactos ambientais. Dessa forma, o objetivo principal deste trabalho foi selecionar o conjunto de componentes construtivos com menor impacto ambiental para uso em habitações de interesse social em Florianópolis por meio da avaliação do ciclo de vida (ACV). Foi desenvolvida uma ACV utilizando dois tipos de parede e dois de cobertura. Para as paredes, considerou-se o uso de tijolo cerâmico com revestimento e tijolo de adobe com revestimento de argamassa de terra com cal. Para as coberturas foi considerada telha cerâmica com forro de madeira e telha cerâmica com laje maciça de concreto. O método de avaliação de impacto do ciclo de vida (AICV) utilizado foi o IMPACT 2002+. Os resultados obtidos foram comparados com a aplicação do método ReCiPe. Aplicou-se simulação computacional por meio do programa EnergyPlus para calcular o consumo energético anual. O conjunto que apresentou menor consumo energético foi o de parede de tijolo de adobe e cobertura com laje maciça. Os dois métodos utilizados para a fase de AICV apresentaram resultados coerentes para a maioria das categorias de impacto. Com isso, o conjunto de menor impacto ambiental obtido por meio da ACV foi o de parede de tijolo de adobe com cobertura com forro de madeira.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Downloads

Publicado

2020-10-07

Edição

Seção

Edição especial ENCAC

Artigos mais lidos pelo mesmo(s) autor(es)

> >>