Desenvolvimento de competências dos gerentes da construção: construção de uma teoria

Autores

  • Elvira Maria Vieira Lantelme Universidade Federal do Rio Grande do Sul
  • Carlos Torres Formoso Universidade Federal do Rio Grande do Sul
  • James A. Powell University of Salford

Palavras-chave:

Construção de Teorias, Desenvolvimento Gerencial, Competências, Aprendizagem-Ação

Resumo

Competência é definida neste artigo como uma capacidade de ação eficaz em contexto, implicando a mobilização de conhecimentos e capacidades do indivíduo de forma pertinente e oportuna à situação. Desenvolver competências gerenciais implica, portanto, repensar as abordagens tradicionais de ensino-aprendizagem comumente utilizadas em programas de treinamento e desenvolvimento gerencial. As principais críticas a essas abordagens estão relacionadas à forma descontextualizada com que trabalham o conhecimento e a conseqüente dificuldade de sua transposição a uma ação eficaz dentro de um contexto específico. A literatura aponta a Aprendizagem-Ação como uma abordagem adequada para o desenvolvimento de competências gerenciais. Entretanto, pouco ainda se conhece do processo de aprendizagem nos grupos de Aprendizagem-Ação. O presente artigo apresenta resultados de um estudo cujo objetivo foi compreender o processo de aprendizagem induzido pela Aprendizagem-Ação, seus reflexos sobre a ação gerencial e, conseqüentemente, sobre o desenvolvimento da competência gerencial. A observação sistemática e análise do processo de aprendizagem de gerentes da Construção participantes de grupos de Aprendizagem-Ação no Brasil e na Inglaterra levaram os autores à construção de uma teoria sobre a competência e ação gerencial. Este artigo apresenta o processo de pesquisa que levou à construção da teoria e discute suas implicações para o desenvolvimento de competências de gerentes da Construção.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Downloads