Audiovisuais e Linked data: um estudo das bases DBpedia e LMDB

Ana Carolina Simionato, Caio Saraiva Coneglian, Paula Regina Ventura Amorim Gonçalez, José Eduardo Santarém Segundo

Resumo


Como proponente da Web Semântica e dos princípios Linked Data, a iniciativa Linking Open Data oferece uma enorme proporção de dados de audiovisuais que podem auxiliar nas buscas e na recuperação de informações mais precisas. Nesse cenário, o objetivo é explorar os possíveis relacionamentos de bases de dados de audiovisuais no Linking Open Data, no intuito de apresentar o potencial dessa iniciativa para usuários que buscam fontes de informação detalhadas sobre os audiovisuais. Utilizou-se uma pesquisa de natureza qualitativa, com caráter exploratório e aplicado, baseada na literatura científica dos temas Linked Data, Web Semântica e audiovisual. Posteriormente, foram consultadas as bases DBpedia e LMDB com o uso do protocolo SPARQL. Considera-se que os conjuntos de dados disponíveis no Linking Open Data não só podem auxiliar na ligação entre informações sobre recursos audiovisuais, como também, podem ser fonte para a construção de catálogos mais dinâmicos, reduzindo o retrabalho durante o processo de descrição de recursos informacionais.


Palavras-chave


Linked data. Recursos audiovisuais. Web semântica. SPARQL. Filmes.

Texto completo:

PDF


DOI: https://doi.org/10.19132/1808-5245243.297-315



Em Questão | ISSN 1808-5245 | EQ no Facebook | EQ no Google Scholar

Classificação Qualis: A2 - Comunicação e Informação; B2 - Ciências Ambientais; B3 - Administração, Ciências Contábeis e Turismo; B4 - Sociologia; B5 - Engenharias I.

Programa de Pós-graduação em Comunicação  | Universidade Federal do Rio Grande do Sul

Rua Ramiro Barcelos, 2705, sala 519 | CEP 90035-007 | Porto Alegre, RS, Brasil | Fone: (51) 3308 2141| E-mail: emquestao @ufrgs.br 

Membro da Associação Brasileira de Editores Científicos 

Signatária do San Francisco Declaration on Research Assessment (DORA)