As Mamas como Constituintes da Maternidade: uma história do passado?

Dagmar Estermann Meyer

Resumo


Neste artigo retomo algumas das dimensões que permitem situar, historicamente, o
processo que Marilyn Yalom (1997) denominou de "politização do seio feminino",
para então discutir aspectos/informações extraídos de materiais educativos utilizados
no âmbito do Programa Nacional de Incentivo ao Aleitamento Matemo. Relaciono os
saberes e práticas que atravessam e conformam o ser mãe e o exercício da amamentação,
no programa em questão, com esse processo histórico, para argumentar que na
contemporaneidade vem-se engendrando uma nova politização da maternidade e do
aleitamento matemo.


Palavras-chave


Gênero. Corpo. Amamentação. Maternidade.

Texto completo:

PDF


Direitos autorais

Educação & Realidade - ISSN 0100-3143 (impresso) e 2175-6236 (online)

 

Licença Creative Commons
Todo o conteúdo deste periódico, exceto onde está identificado, está licenciado sob uma Licença Creative Commons Atribuição 4.0 Internacional

 

Apoio e Indexação:

LATINDEX

 

Crossref Similarity Check logo