A análise de logs como estratégia para a realização da garantia do usuário

Rita do Carmo Ferreira Laipelt

Resumo


Tem como objetivo discutir o potencial da coleta de logs de pesquisa para realizar a garantia do usuário na elaboração de tesauros e/ou para gestão de catálogos de autoridades. Demonstra como a metodologia de análise de logs possibilita identificar a linguagem dos usuários a partir do próprio sistema de recuperação da informação. Utiliza como objeto de estudo as lexias contidas nos logs de pesquisa dos usuários do Portal LexMl, do Senado Federal Brasileiro, nas áreas do Direito do Trabalho e do Direito Previdenciário. Apresenta os resultados da análise de lexias com aspectos conceituais, que indicam o nível de conhecimento do usuário em relação ao assunto pesquisado. Conclui que os logs são relevantes para a identificação de características, demandas e necessidades dos usuários. Sugere o estabelecimento de políticas para sua coleta, visto que, no Brasil, poucas pesquisas utilizam os logs como objeto de estudo na área da Ciência da Informação.


Palavras-chave


Representação do conhecimento. Recuperação da informação. Análise de logs. Garantia do usuário.

Texto completo:

PDF


DOI: https://doi.org/10.19132/1808-5245213.150-170



Em Questão | ISSN 1808-5245 | EQ no Facebook | EQ no Google Scholar

Classificação Qualis: A2 - Comunicação e Informação; B2 - Ciências Ambientais; B3 - Administração, Ciências Contábeis e Turismo; B4 - Sociologia; B5 - Engenharias I.

Programa de Pós-graduação em Comunicação  | Universidade Federal do Rio Grande do Sul

Rua Ramiro Barcelos, 2705, sala 519 | CEP 90035-007 | Porto Alegre, RS, Brasil | Fone: (51) 3308 2141| E-mail: emquestao @ufrgs.br 

Membro da Associação Brasileira de Editores Científicos 

Signatária do San Francisco Declaration on Research Assessment (DORA)