A grande aceleração & o campo comunicacional

Lucia Santaella

Resumo


Desde a revolução industrial que inaugurou, no campo da comunicação, a era da reprodutibilidade técnica, novas tecnologias midiáticas não cessam de emergir em um ritmo cada vez mais intenso até se tornar verdadeiramente avassalador a partir do advento do universo digital. Essa emergência crescente de tecnologias midiáticas não é um fenômeno isolado, mas deve ser inserida no contexto bem mais amplo daquilo que os especialistas em mudanças climáticas e geologia estão chamando de “grande aceleração”. Para realizar tal inserção, este artigo tomou como roteiro metodológico o levantamento e estudo de dados bibliográficos, de um lado, relativos à evolução midiática desde a revolução industrial no século XIX até os nossos dias. De outro lado, relativos ao crescimento desmedido do gasto de fontes energéticas do planeta inteiramente imerso na circulação perversa do mercado capitalista. A comparação entre os dados tanto de um quanto de outro lado, conduziu esta pesquisa à constatação de uma interrelação indissolúvel entre ambos. Esse percurso nos leva à conclusão de que a aceleração midiática é parte integrante e contribui a seu modo para a grande aceleração que está levando o planeta Terra a uma nova era geológica.


Palavras-chave


Grande Aceleração. Antropoceno. Eras culturais. Gerações midiáticas.

Texto completo:

PDF


DOI: https://doi.org/10.19132/1807-8583201534.46-59



Intexto | E-ISSN 1807-8583 | Facebook | Google Scholar 

Classificação Qualis: B1 - Comunicação, Informação, História, Letras/Linguística  | B2 - Psicologia | B3 - Ciência Política e Relações Internacionais, Arquitetura, Urbanismo e Design, Ciências Ambientais, Interdisciplinar | B4 - Sociologia. 

Programa de Pós-graduação em Comunicação | Universidade Federal do Rio Grande do Sul

Rua Ramiro Barcelos, 2705 sala 519 - Porto Alegre, RS, Brasil | E-mail: Intexto @ufrgs.br

Membro Associação Brasileira de Editores Científicos 

Signatária DORA (San Francisco Declaration on Research Assessment)