Influência da composição granulométrica das partículas de resíduos de madeira nas propriedades de compósitos minerais: parte 1 - cimento-madeira

Autores

  • Thaísa Mariana Santiago Rocha Universidade Federal do Paraná
  • Leonardo Fagundes Rosemback Miranda Universidade Federal do Paraná
  • Carlos Frederico Alice Parchen Universidade Federal do Paraná

Palavras-chave:

resíduos de construção e demolição (RCD), compósitos, partículas de madeira, granulometria

Resumo

Compósitos de fibras naturais são uma alternativa para absorver os resíduos de construção e demolição (RCD) de madeira, o que reduz os impactos ambientais e contribui com o desenvolvimento de materiais, produtos e processos mais sustentáveis. Pesquisadores têm obtido resultados promissores com compósitos contendo diferentes dimensões de partículas. O objetivo deste estudo foi avaliar a influência da composição granulométrica das partículas de madeira provenientes de RCD nas propriedades físicas e mecânicas de compósitos de cimento-madeira. As partículas de madeira foram moídas em moinho de martelos e caracterizadas. Foi utilizado o cimento Portland, o aditivo acelerador de pega e a água. Os compósitos foram produzidos com diferentes relações aglomerante-madeira com relação água-cimento fixada em 0,50 em massa. A partir dos resultados dos ensaios no estado fresco e endurecido, verificou-se que os valores de massa unitária das partículas de madeira influenciaram nas propriedades físicas e, consequentemente, no desempenho mecânico dos compósitos. Como conclusão tem-se que a composição granulométrica P1,2 resultou na menor densidade de massa endurecida, enquanto a composição granulométrica P1 proporcionou maior resistência à tração na flexão.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Downloads

Publicado

2019-06-17

Edição

Seção

Artigos

Artigos mais lidos pelo mesmo(s) autor(es)