Modelo de Maturidade BIM para Instituições de Ensino Superior

Autores

  • Jeferson Spiering Böes Faculdade Ari de Sá (FAS)
  • José De Paula Barros Neto Universidade Federal do Ceará (UFC)
  • Mariana Monteiro Xavier Lima Universidade Federal do Ceará (UFC)

Palavras-chave:

Maturidade BIM, Ensino de BIM, Adoção BIM, Engenharia Civil, Arquitetura e Urbanismo

Resumo

A literatura apresenta diversos modelos de maturidade BIM para projetos, organizações e indivíduos, havendo uma lacuna de modelos destinados às Instituições de Ensino Superior. Consequentemente, vislumbra-se a ausência de trabalhos que mensuram a maturidade BIM das instituições. Desta forma, o presente estudo tem por objetivo (i) apresentar um modelo de matriz de maturidade BIM para IES; (ii) realizar a mensuração da maturidade BIM nas IES do estado do Ceará. O modelo desenvolvido está estruturado em três campos BIM (Políticas, Processos e Tecnologia), através de 16 critérios e divididos em cinco níveis de maturidade. A pesquisa analisou 26 cursos de Engenharia Civil e Arquitetura e Urbanismo, em IES públicas e privadas, obtendo o Grau de Maturidade, o Índice de Maturidade e as características de utilização do BIM. Como contribuição, o estudo apresenta: (i) uma contribuição teórica, através da proposição de um modelo de maturidade BIM para as IES, permitindo que outras instituições possam mensurar seu desempenho; (ii) caracterização do BIM nas IES, as barreiras para adoção, usos e disciplinas BIM; (iii) mensuração da maturidade das IES. A mensuração da maturidade BIM nas IES do estado do Ceará permitiu um panorama das IES, fazendo parte de uma etapa de macrodiagnóstico do setor.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Downloads

Publicado

2021-03-12

Edição

Seção

Special Issue

Artigos mais lidos pelo mesmo(s) autor(es)

> >>