A PRÁTICA CORPORAL COMO EXPRESSÃO DA IMAGINAÇÃO DA CRIANÇA NA BRINCADEIRA: UMA PERSPECTIVA DA PSICOLOGIA HISTÓRICO-CULTURAL

Autores

  • Juarez Oliveira Sampaio Universidade de Brasília (UnB) http://orcid.org/0000-0002-2054-6487
  • Ana Cristina de David Faculdade de Educação Física da Universidade de Brasília (UnB) Brasília - DF
  • Lino Castellani Filho Faculdade de Educação Física da Universidade de Brasília (UnB) Brasília - DF
  • Edson Marcelo Húngaro Faculdade de Educação Física da Universidade de Brasília (UnB) Brasília - DF

DOI:

https://doi.org/10.22456/1982-8918.72972

Palavras-chave:

Vigostki. Aprendizagem. Jogos. Desenvolvimento humano.

Resumo

 Pretendeu-se, com este estudo, estabelecer relações entre a brincadeira e os processos de aprendizagem e de desenvolvimento da criança à luz da psicologia histórico-cultural, elucidando como a brincadeira de faz de conta se materializa como prática corporal construtora de significados e de sentidos. Para tanto, o texto está organizado em três momentos: o primeiro apresenta a abordagem histórico-cultural e algumas informações sobre o principal autor que a constituiu; o segundo trata de definir os fundamentos basilares do processo de aprendizagem e de desenvolvimento da criança – mediação, a formação de conceitos, a internalização e a zona de desenvolvimento imediato –; e o último discute o que vem a ser a brincadeira do ponto de vista de Vigotski,  estabelecendo relações com a educação escolar e  especialmente com a Educação Física.

 

 

 

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Juarez Oliveira Sampaio, Universidade de Brasília (UnB)

Professor da Secretaria de Educação do Distrito Federal

Mestre e doutorando pela Faculdade de Educação Física da Universidade de Brasília (UnB)

Ana Cristina de David, Faculdade de Educação Física da Universidade de Brasília (UnB) Brasília - DF

Possui doutorado em Educação Física e mestrado em Ciência do Movimento Humano pela Universidade Federal de Santa Maria. Realizou estágio pós-doutoral no Human Performance Laboratory na University of Calgary, Canadá.

Atualmente, é Professora Titular da Faculdade de Educação Física da Universidade de Brasília (UnB) 

Lino Castellani Filho, Faculdade de Educação Física da Universidade de Brasília (UnB) Brasília - DF

 Foi professor da Faculdade de Educação Física (FEF) da Universidade Estadual de Campinas, Unicamp 

Atualmente, é Professor Visitante da Faculdade de Educação Física da Universidade de Brasília (UnB) 

Tem sua trajetória profissional construída através do estudo, pesquisa, observação e intervenção identificados com o campo das políticas de educação, educação física, esporte e lazer.

Edson Marcelo Húngaro, Faculdade de Educação Física da Universidade de Brasília (UnB) Brasília - DF

Possui Mestrado em Serviço Social pela Pontifícia Universidade Católica de São Paulo (2001), Doutorado em Educação Física pela Faculdade de Educação Física da Universidade Estadual de Campinas/UNICAMP (2008) - na área de concentração Educação Física e Sociedade; e Pós-Doutorado em Educação pela Universidade Estadual de Campinas/UNICAMP (2015). Vice Diretor e Professor Adjunto III da Faculdade de Educação Física/FEF da Universidade de Brasília - UnB

Downloads

Publicado

2017-11-25

Como Citar

SAMPAIO, J. O.; DAVID, A. C. de; CASTELLANI FILHO, L.; HÚNGARO, E. M. A PRÁTICA CORPORAL COMO EXPRESSÃO DA IMAGINAÇÃO DA CRIANÇA NA BRINCADEIRA: UMA PERSPECTIVA DA PSICOLOGIA HISTÓRICO-CULTURAL. Movimento, [S. l.], v. 23, n. 4, p. 1447–1458, 2017. DOI: 10.22456/1982-8918.72972. Disponível em: https://seer.ufrgs.br/index.php/Movimento/article/view/72972. Acesso em: 19 ago. 2022.

Edição

Seção

Ensaios