A organização da informação nos sites das TVs universitárias públicas brasileiras

Autores

  • José Carlos Mardegan Universidade Estadual de Londrina
  • Brígida Maria Nogueira Cervantes Universidade Estadual de Londrina

DOI:

https://doi.org/10.19132/1808-5245221.90-112

Palavras-chave:

Organização da informação em sites. TV universitária. Documento audiovisual. Documento televisual.

Resumo

O estudo analisa a organização da informação em sites de televisões universitárias públicas brasileiras e investiga a quantidade de TVs presentes no segmento das Instituições de Ensino Superior (IES) públicas e, dentre elas, quais utilizam a internet para a difusão do conteúdo produzido. A pesquisa é documental, exploratória e descritiva com abordagem quantiqualitativa. O resultado apresenta um total de 102 IES, 42,2% delas produzem televisão e, destas, mais da metade utilizam a internet como meio de difusão. Conclui que os sites das TVs não apresentam os requisitos mínimos necessários de organização que possibilite uma armazenagem e recuperação da informação de modo eficiente.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

José Carlos Mardegan, Universidade Estadual de Londrina

Mestre em Ciência da Informação pela Universidade Estadual de Londrina e funcionario da TV Educativa da UEL

 

Brígida Maria Nogueira Cervantes, Universidade Estadual de Londrina

Doutora em Ciência da Informação pela UNESP-Marília Professora Adjunta da Universidade Estadual de Londrina

Downloads

Publicado

2016-04-30

Como Citar

MARDEGAN, J. C.; NOGUEIRA CERVANTES, B. M. A organização da informação nos sites das TVs universitárias públicas brasileiras. Em Questão, Porto Alegre, v. 22, n. 1, p. 90–112, 2016. DOI: 10.19132/1808-5245221.90-112. Disponível em: https://seer.ufrgs.br/index.php/EmQuestao/article/view/54069. Acesso em: 5 out. 2022.

Edição

Seção

Artigos

Artigos mais lidos pelo mesmo(s) autor(es)