Educação física, qualidade de vida e saúde: campos de intersecção e reflexões sobre a intervenção

Fabiano Pries Devide

Resumo


Este ensaio tem por objetivo refletir sobre as relações entre a Educação Física a Qualidade de Vida e a Saúde. Posiciona a Saúde como foco da discussão, considerando-a área de intersecção entre as duas primeiras, elemento-chave nas representações sociais sobre a Educação Física, e possivelmente sobre a Qualidade de Vida. São discutidos aspectos relacionados à complexidade e dinamicidade do que se denomina Qualidade de Vida; sobre as relações entre a Educação Física e a Saúde na escola; assim como suas contribuições para uma reflexão acerca do neologismo da Qualidade de Vida e as relações recentemente estabelecidas com a área. Propõe-se uma reorientação sobre o entendimento destas relações, em direção à superação da noção de causalidade entre Exercício-Saúde-Qualidade de Vida, através da fragilização das responsabilidades e compromissos da Educação Física frente às questões relacionadas à melhoria da Qualidade de Vida e da Saúde.

Palavras-chave


Educação Física. Qualidade de Vida. Saúde. Escola.

Texto completo:

PDF


DOI: https://doi.org/10.22456/1982-8918.2644



 

 


Movimento
Escola de Educação Física, Fisioterapia e Dança | Universidade Federal do Rio Grande do Sul | UFRGS
Endereço: Rua Felizardo, 750, Jardim Botânico, Porto Alegre, Rio Grande do Sul, Brasil, CEP 90690-200
E-mail: movimento@ufrgs.br
 

Bases de Dados Indexadoras

 

                                      

 

Apoio

 

        

 

Licença de cópias e declaração de boas práticas de avaliação

 

 Licença Creative CommonsSan Francisco Declaration on Research Assessment