Mediações artísticas e informacionais no contexto urbano: algumas reflexões e paradoxos

Marco Antônio de Almeida, Giulia Crippa

Resumo


O trabalho traz aportes para discutir a natureza da mediação artística e patrimonial no espaço urbano, considerando seus aspectos informacionais e comunicacionais. Algumas manifestações culturais em cidades de diversos portes são utilizadas para fornecer elementos e hipóteses que marcam sua diferença em relação aos espaços institucionais tradicionais. Destaca-se a necessidade de se buscar novas referências e parâmetros que levem em conta, de maneira positiva, o papel ativo e os repertó- rios dos usuários. O texto encerra refletindo brevemente acerca de políticas culturais que respeitem essas especificidades, e nos novos desafios envolvidos em pensar mediações apropriadas para este fim.

Palavras-chave


Mediação. Informação. Arte. Cidade. Culturas híbridas.

Texto completo:

PDF




Em Questão | ISSN 1808-5245 | EQ no Facebook | EQ no Google Scholar

Classificação Qualis: A2 - Comunicação e Informação; B2 - Ciências Ambientais; B3 - Administração, Ciências Contábeis e Turismo; B4 - Sociologia; B5 - Engenharias I.

Programa de Pós-graduação em Comunicação  | Universidade Federal do Rio Grande do Sul

Rua Ramiro Barcelos, 2705, sala 519 | CEP 90035-007 | Porto Alegre, RS, Brasil | Fone: (51) 3308 2141| E-mail: emquestao @ufrgs.br 

Membro da Associação Brasileira de Editores Científicos 

Signatária do San Francisco Declaration on Research Assessment (DORA)