n. 8 (2002): Violências, América Latina

					Visualizar n. 8 (2002): Violências, América Latina
Sociologias em seu oitavo número apresenta o dossiê Violências, América Latina que aborda a temática conflitualidades, trabalhando com o contexto de mundialização no qual nem indivíduos nem grupos parecem reconhecer valores coletivos e do qual emergem as diversas formas de violência, a crise das instituições de controle social e agudização dos conflitos sociais e individuais. Na seção de Artigos os textos estão, ainda que de forma indireta, ligados ao tema do dossiê. Aqui, entretanto, trata-se da violência associada às mudanças no mundo do trabalho. María Alejandra Silva aborda o estado atual do debate sobre os riscos do trabalho em obras da contrução civil em países do Mercosul e Sandro Ruduit escreve sobre a reestruturação no setor de telecomunicações, examinando os padrões de relacionamento interfirmas e de emprego na rede de empresas liderada pela Companhia Riograndense de Telecomunicações (CRT). Na seção Interfaces, a temática da violência está associada à escola. Bernard Charlot com o seu artigo sobre a violência na escola analisa a maneira como os sociólogos franceses abordam essa questão. Na Resenha deste número Iselda Ribeiro discute alguns aspectos da obra de David Bayley sobre a polícia e a sociedade.
Publicado: 2008-12-08

Editorial

Dossiê

Interfaces

Resenhas

Abstracts