Influência dos parâmetros urbanísticos e da topografia na admissão da luz natural em edifícios residenciais

Autores

  • Cláudia Rocha Guidi Universidade Federal de Minas Gerais http://orcid.org/0000-0002-4198-382X
  • Karla Cristina de Freitas Jorge Abrahão Universidade Federal de Minas Gerais
  • Ana Carolina Oliveira Veloso Universidade Federal de Minas Gerais
  • Roberta Vieira Gonçalves de Souza Universidade Federal de Minas Gerais

Palavras-chave:

Iluminação natural, simulação de luz natural, RTQ-R, NBR 15.575-1, legislação urbanística

Resumo

Em Belo Horizonte, os parâmetros urbanísticos municipais associados às características topográficas da malha urbana da cidade levaram a crer que a quantidade de luz natural admitida nos ambientes residenciais, especialmente em andares inferiores, poderia ser bastante reduzida. A proposta deste trabalho foi então analisar a admissão de luz natural em edifício residencial inserido na malha urbana da cidade sob a influência de diferentes topografias. Para isso, foram investigadas a declividade do terreno e a localização vertical da unidade residencial em quatro orientações geográficas por meio dos critérios propostos no RTQ-R e na NBR 15575-1. Para atendimento da NBR 15575-1, as iluminâncias internas foram obtidas de acordo com as partes 2 e 3 da NBR 15215 e também por simulação computacional. Verificou-se que pelo método prescritivo da NBR 15575-1 todos os ambientes atenderam aos limites para desempenho mínimo. Já por simulação, de 6% a 9% dos valores não atenderam a esses limites. A diferenciação em relação à topografia e à localização vertical da unidade foi notada mais significativamente na avaliação feita de acordo com o RTQ-R. Os resultados obtidos neste caso indicaram que apenas 19% dos ambientes situados no primeiro pavimento e 50% de todos os ambientes localizados na maior declividade atenderam aos requisitos para bonificação. Os resultados parecem indicar ainda que a legislação municipal deveria ser revisada nas situações de maiores declividades.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Downloads

Publicado

11.07.2018

Como Citar

GUIDI, C. R.; ABRAHÃO, K. C. de F. J.; VELOSO, A. C. O.; SOUZA, R. V. G. de. Influência dos parâmetros urbanísticos e da topografia na admissão da luz natural em edifícios residenciais. Ambiente Construído, [S. l.], v. 18, n. 3, p. 49–66, 2018. Disponível em: https://seer.ufrgs.br/index.php/ambienteconstruido/article/view/78257. Acesso em: 12 abr. 2024.

Artigos mais lidos pelo mesmo(s) autor(es)