Modelo de regressão linear para estimativa de geração de RCD em obras de alvenaria estrutural

Autores

  • Marcelo Oliveira Caetano Universidade do Vale do Rio dos Sinos - UNISINOS http://orcid.org/0000-0002-0920-1971
  • Asafe Bonisoni Fagundes Universidade do Vale do Rio dos Sinos - UNISINOS
  • Luciana Paulo Gomes Universidade do Vale do Rio dos Sinos - UNISINOS

Palavras-chave:

RCD, Resíduos de Construção e Demolição, Modelo de Regressão Linear Múltipla, Geração de RCD, Edificações Verticais, Alvenaria Estrutural.

Resumo

A predição da geração de resíduos de construção e demolição (RCD), na fase de projeto, é etapa essencial do gerenciamento de resíduos do canteiro de obras. Esses índices podem contribuir para a redução de perdas e, consequentemente, redução de custos operacionais. Devido às dificuldades em executar uma correta estimativa dos RCD a serem gerados, o presente trabalho propôs um modelo de regressão linear múltipla para estimativa da geração de resíduos de obra em empreendimentos residenciais verticais com alvenaria estrutural. Obteve-se como resultado, para o modelo de regressão desenvolvido, um coeficiente de determinação (R²) de 0,802 e coeficiente de determinação ajustado (R² ajustado) de 0,741 (intervalo de confiança de 95%). A comparação entre os dados reais de geração de RCD e a estimativa gerada pelo modelo de predição desenvolvido por esta pesquisa mostrou erros na faixa de 10,62% a 54,94%. Assim, o modelo de regressão mostrou-se aplicável para os tipos construtivos viga-pilar e alvenaria estrutural. Pode ser utilizado por engenheiros e arquitetos, como uma ferramenta para estimativa de RCD no Plano de Gerenciamento de Resíduos de Construção e Demolição (PGRCD) da obra.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Marcelo Oliveira Caetano, Universidade do Vale do Rio dos Sinos - UNISINOS

Possui graduação em Engenharia Civil pela Universidade do Vale do Rio dos Sinos (2004), pós-graduado em Engenharia de Segurança do Trabalho (2006), Mestre em Engenharia Civil: Gerenciamento de Resíduos (2009), Doutorado em Engenharia de Minas, Metalurgia e Materiais (UFRGS). Com experiência nas áreas de Engenharia Sanitária, Ambiental e de Segurança do Trabalho atuando em: certificações ISO 9001 (Qualidade), ISO 14001 (gestão ambiental), OHSAS 18001 (gestão em saúde e segurança do trabalho); licenciamento, gerenciamento, remediações e avaliações ambientais; gestão de riscos e perigos em SST. Professor do Curso de Pós Graduação em Engenharia de Segurança do Trabalho e dos cursos de graduação em Engenharia Civil, Engenharia Ambiental e Gestão Ambiental na UNISINOS. Membro do Departamento do Sistema de Gestão Ambiental da UNISINOS.

Asafe Bonisoni Fagundes, Universidade do Vale do Rio dos Sinos - UNISINOS

Graduado em Engenharia Civil pela Universidade do Vale do Rio dos Sinos (UNISINOS). Atua como Engenheiro projetista e executor de obras civis.

Luciana Paulo Gomes, Universidade do Vale do Rio dos Sinos - UNISINOS

Doutora em Engª Civil pela Escola de Engenharia de São Carlos - USP. Coordenadora do Programa de Pós Graduação em Engenharia Civil (área de concentração: Gerenciamento de Resíduos) da UNISINOS e do Sistema de Gestão Ambiental e de qualidade dos Laboratórios Tecnológicos da UNISINOS. Professora Titular da UNISINOS nos Cursos de Graduação em Engenharia Civil, Engenharia Ambiental e Gestão Ambiental e Pós-Graduação em Engenharia Civil.

Downloads

Publicado

2018-06-06