Avaliação de pisos táteis como elemento de wayfinding em escola de ensino especial para crianças com deficiência visual

Autores

  • Tania Pietzschke Abate UNICAMP, BELAS ARTES.
  • Doris Catharine Cornelie Knatz Kowaltowski UNICAMP

Palavras-chave:

Arquitetura escolar, Wayfinding, Acessibilidade, Sinalização tátil

Resumo

Este artigo busca analisar a orientação espacial dos alunos com deficiência visual em escola de educação especial localizada na cidade de São Paulo antes e após a implantação de sinalização tátil no piso, importante elemento do sistema chamado wayfinding. Na primeira etapa da pesquisa (período entre outubro e dezembro de 2012), foram realizadas observações com os alunos (pré-escola e ensino fundamental) com deficiência visual (cegueira e baixa visão) para avaliação da orientação durante a circulação no edifício escolar. Após a reforma do piso existente em 2014, as autoras implantaram a sinalização tátil no piso (ABNT, 2004) na área de circulação e iniciaram a segunda etapa da pesquisa (período entre agosto e setembro de 2014), com novas observações. Foram consideradas as premissas adotadas para a definição da unidade estudo de caso e os critérios de escolha do instrumento de coleta de dados. Constatou-se que a implantação da sinalização tátil no piso nas áreas de circulação de alunos com deficiência visual requer familiarização com o uso, iniciada por meio de treinamento de orientação e mobilidade (O&M); disponibilização e aprendizado de uso concomitante do mapa tátil; adoção da bengala de rastreamento; escalonamento dos horários de intervalo das diferentes classes; definição de mãos de direção; segurança no trajeto e monitoramento.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Tania Pietzschke Abate, UNICAMP, BELAS ARTES.

Pesquisadora e Pós Doutora (FAPESP) em Acessibilidade e Wayfinding Design (FEC/UNICAMP). Mestre (CNPq) e Doutora (FAPESP) em Ergonomia, Acessibilidade e Metodologia de Pesquisa (FAU/USP). Graduada em Arquitetura e Urbanismo (MACKENZIE). Assessora ad hoc da FAPESP. Atua como docente na Belas Artes com carga horária reduzida em função da bolsa de pós doc FAPESP (término julho/2015). Apresenta experiência na área de Design e Arquitetura. Pertence ao grupo de pesquisa: Metodologia de Projeto em Arquitetura do CNPq - UNICAMP. Professora convidada na pós da Universidade Mackenzie e da Belas Artes.

Doris Catharine Cornelie Knatz Kowaltowski, UNICAMP

Doris Catharine Cornelie Knatz Kowaltowski é Professora Titular (2009) pela Universidade Estadual de Campinas, UNICAMP; obteve o Doutorado (PhD) em Arquitetura pela Universidade da Califórnia em Berkeley (EUA) em 1980 e é Mestre em Arquitetura pela Universidade da Califórnia em Berkeley, 1970. Em 1969 formou-se em Arquiteta (com honours) pela Universidade de Melbourne (Austrália) com o diploma revalidado no Brasil em 1985. Atua atualmente como docente do Departamento de Arquitetura e Construção da Faculdade de Engenharia Civil, Arquitetura e Urbanismo (FEC) da UNICAMP. Foi Coordenadora do Curso de Graduação em Arquitetura e Urbanismo da FEC da UNICAMP entre 1997 e 2002 e em 2006. Foi Diretora Associada da FEC/UNICAMP entre 2003 e 2006. Coordenou e coordena vários projetos de pesquisa, com apoio da FAPESP, FINEP e FAEP/UNICAMP. É membro da Coordenação da Área de Arquitetura e Urbanismo da FAPESP. Atua em dois cursos de graduação da UNICAMP: Engenharia Civil e Arquitetura e Urbanismo. O ensino é centrado em projeto arquitetônico. Na pesquisa, os interesses incluem projetos específicos de habitação social e edificação escolar. Desenvolve pesquisas nas áreas de: metodologia de projeto e as ferramentas de apoio do processo de projeto (Avaliação Pós-ocupação - APO, Computer Aided Design - CAD e Programa de Necessidades); humanização da arquitetura e arquitetura bioclimático. Na pós-graduação atua no programa de mestrado e doutorado da FEC/UNICAMP. Concluiu a orientação de 5 teses de doutorado e 8 dissertações de mestrado. As orientações em andamento são: 1 mestrado e 5 doutorados. Atualmente é líder de grupo de pesquisa (Metodologia de Projeto em Arquitetura) do CNPq e do grupo de trabalho da ANTAC de Avaliação Pós-Ocupação APO. Bolsa de produtividade CNPq 1D- 2010-2014.

Downloads

Publicado

20.01.2017

Como Citar

ABATE, T. P.; KOWALTOWSKI, D. C. C. K. Avaliação de pisos táteis como elemento de wayfinding em escola de ensino especial para crianças com deficiência visual. Ambiente Construído, [S. l.], v. 17, n. 2, p. 53–71, 2017. Disponível em: https://seer.ufrgs.br/index.php/ambienteconstruido/article/view/56297. Acesso em: 13 abr. 2024.

Edição

Seção

Artigos

Artigos mais lidos pelo mesmo(s) autor(es)

> >>