Representações sociais de jornalistas argentinos e brasileiros sobre Maradona e Romário

Autores

  • Carlos Henrique de Vasconcellos Ribeiro Programa Stricto Sensu UGF/RJ
  • Esteban Barcelona Progrma Stricto Sensu UGF/RJ
  • Sebastião Votre Programa Stricto Sensu.UGF/RJ
  • Nilda Teves Ferreira Progrma Stricto Sensu/ UGF. UGF/RJ

DOI:

https://doi.org/10.22456/1982-8918.24278

Palavras-chave:

Educação Física

Resumo

Esta tese analisa representações sociais de jornalistas argentinos e brasileiros sobre Maradona e Romário, em matérias publicadas após o jogo em homenagem ao primeiro, e após o milésimo gol do segundo. O corpus argentino de análise é constituído por 12 notícias de diferentes mídias impressas. O brasileiro, de 34 notícias. A análise das notícias resultou em cinco categorias de consenso sobre ambos os homenageados: origem social, desempenho profissional, características pessoais, vínculo com os torcedores e trascendência. Os dissensos estão associados a fatos pontuais, na carreira de cada um dos atletas. A análise do conteúdo das representações sobre Maradona permitem associá-lo ao gaucho argentino Martín Fierro. Quanto a Romário, sobressai o mulato de Gilberto Freyre, que passa do mucambo ao sobrado.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Carlos Henrique de Vasconcellos Ribeiro, Programa Stricto Sensu UGF/RJ

Sou docente do Mestrado em Gestão do Trabalho para a Qualidade do Ambiente Construído da Universidade Santa Úrsula desde fevereiro de 2018. Neste mesmo ano assumi a Coordenação do Núcleo de Extensão da Universidade. Organizei e coordenei a primeira Feira de Estágio e Oportunidades, que contou com mais de 20 empresas, dentre elas Banco Santander, Eletrobras, Lojas Americanas, Odebrecht e Reserva. Fui contemplado no Edital Faperj para Iniciação Científica de 2018.2. Em 2016 e 2015 escrevi dois APCNs de Mestrado Profissional. Um em Saúde e Qualidade de Vida e outro em Estudos do Esporte.

Esteban Barcelona, Progrma Stricto Sensu UGF/RJ

Tenho Graduação em Educação Física (Universidad Nacional de Río Cuarto/Córdoba/Argentina/2001), Mestrado em Ciência do Movimento Humano (Universidade Federal de Santa Maria/Rio Grande do Sul/Brasil/2004/Bolsa CNPq) e Doutorado em Educação Física (Universidade Gama Filho/Rio de Janeiro/RJ/Brasil/2010/Bolsa CAPES/PEC-PG). A partir do ano 1999 tenho pesquisado sobre biografías de personagens polêmicos, como Sarmiento, DF e sua relação com a Educação Fisica, logo, polêmicos esportivos como Maradona a partir de 2001 (Dissertação 2004) e Romário a partir de 2007, comparando suas Representações Sociais Midiáticas em Jogos que foram homenageados, relacionadas com o Imaginário Social (Tese 2010).

Sebastião Votre, Programa Stricto Sensu.UGF/RJ

Tenho formação na área de sociolinguística e análise do discurso. Sou mestre pela PUC-RS, doutor pela PUC-RJ e livre-docente pela UFRJ. Dentre os estágios de pós-doutoramento, destaco o de sociologia do esporte na Universidade de Strathclyde, Escócia, com Dr. James Mangan. Sou professor titular da UFRJ e associado IV da UFF (aposentado). Pesquisador e bolsista de produtividade do CNPq desde 1979, atuei na rede CEDES, do Ministério do Esporte. Fundei o Grupo de Estudos Discurso e Gramática, da UFRJ, o Laboratório do imaginário e das representações sociais. Fundei e coordeno o grupo de estudos Semiótica das atividades humanas. Implantei a análise do conteúdo e do discurso das representações sociais na área sócio-cultural da educação física e do desporto. Idealizei e coordenei durante três anos o primeiro Curso de Especialização em Ensino de Leitura e Produção Textual a Distância, no CEDERJ, para professores da rede estadual. Minha produção acadêmica no presente triênio prioriza análise do discurso, discriminação e robustez mental, no contexto da ecologia social.

Nilda Teves Ferreira, Progrma Stricto Sensu/ UGF. UGF/RJ

Possui graduação em Licenciatura em Matemática e Física pela Universidade Federal do Rio de Janeiro, graduação em Licenciatura em Pedagogia pela Universidade Federal do Rio de Janeiro), mestrado em Filosofia das Ciências pela Universidade Federal do Rio de Janeiro e doutorado em Educação Brasileira pela Universidade Federal do Rio de Janeiro. Possui formação em Psicanálise. Professora aposentada da Universidade Federal do Rio de Janeiro: Superintendente de graduação da UFRJ. Foi Diretora Geral de ensino da Secretária de Educção, Secretária de Ciência e Tecnologia da Secretária do Estado R.J. e professora titular da FGV_ IESAE. Atualmente é professora titular da Universidade Gama Filho. Tem experiência na área de Filosofia com ênfase em Filosofia da ciência. Atuando principalmente nos seguintes Fundamentos Filosóficos da Educação: cultura organizacional, educação física, cidadania e cultura popular.

Downloads

Publicado

2012-05-04

Como Citar

RIBEIRO, C. H. de V.; BARCELONA, E.; VOTRE, S.; TEVES FERREIRA, N. Representações sociais de jornalistas argentinos e brasileiros sobre Maradona e Romário. Movimento, [S. l.], v. 18, n. 2, p. 205–233, 2012. DOI: 10.22456/1982-8918.24278. Disponível em: https://seer.ufrgs.br/index.php/Movimento/article/view/24278. Acesso em: 28 set. 2022.

Edição

Seção

Artigos Originais