A indexação de assunto em documentos arquivísticos: convergências e divergências em artigos internacionais

Autores

  • Graziela Martins de Medeiros Departamento de Ciência da Informação, Universidade Federal de Santa Catarina
  • Marisa Bräscher Departamento de Ciência da Informação, Universidade Federal de Santa Catarina.
  • William Barbosa Vianna Departamento de Ciência da Informação, Universidade Federal de Santa Catarina

DOI:

https://doi.org/10.19132/1808-5245231.154-182

Palavras-chave:

Indexação de assunto. Representação da informação. Documentos arquivísticos.

Resumo

Este artigo tem como objetivo analisar as convergências e divergências apresentadas em artigos científicos internacionais que tratam sobre a indexação de assunto em documentos arquivísticos, para o avanço da temática no campo da Arquivologia e Ciência da Informação. A pesquisa é exploratório-descritiva e qualitativa. Coletaram-se artigos de duas bases de dados: Library and Information Science Abstracts e Library, Information Science & Technologycal Abstracts. Após análise preliminar, foram selecionados 20 artigos, que cobrem o período de 1965 a 2013. Os resultados mostram que as definições apresentadas para a indexação em Arquivologia, grosso modo, se assemelham ao entendimento de indexação no contexto da Biblioteconomia e Ciência da Informação, com a necessidade de se considerar o contexto específico e os princípios arquivísticos no processo de representação e o desenvolvimento de diretrizes para o controle vocabular.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Graziela Martins de Medeiros, Departamento de Ciência da Informação, Universidade Federal de Santa Catarina

Doutoranda e Mestre em Ciência da Informação pela Universidade Federal de Santa Catarina. Professora do Departamento de Ciência da Informação da Universidade Federal de Santa Catarina.

Marisa Bräscher, Departamento de Ciência da Informação, Universidade Federal de Santa Catarina.

Doutora em Ciência da Informação pela Universidade de Brasília. Professora do Departamento de Ciência da Informação da Universidade Federal de Santa Catarina.

William Barbosa Vianna, Departamento de Ciência da Informação, Universidade Federal de Santa Catarina

Doutor em Engenharia de Produção pela Universidade Federal de Santa Catarina. Professor do Departamento de Ciência da Informação da Universidade Federal de Santa Catarina.


 

Referências

ARAÚJO, Carlos Alberto Ávila. Arquivologia, Biblioteconomia, Museologia e Ciência da Informação: o diálogo possível. Brasília: Briquet de Lemos, 2014.

ARAÚJO, Carlos Alberto Ávila. Epistemologia da Arquivologia: fundamentos e tendências contemporâneas. Ciência da Informação, Brasília, v. 41, n. 1, p. 50-63, jan./abr. 2013.

ASSOCIAÇÃO BRASILEIRA DE NORMAS TÉCNICAS. NBR 12676: Métodos para análise de documentos: determinação de seus assuntos e seleção de termos de indexação. Rio de Janeiro, 1992.

BARROS, Thiago Henrique Bragato. A Indexação e a Arquivística: relações práticas e conceituais no universo teórico da representação e organização do conhecimento. In: CONGRESO ISKO ESPAÑA, 12.; CONGRESO ISKO ESPAÑA-PORTUGAL, 2., 2015, Murcia. Anais... Murcia: Universidad de Murcia, 2015.

BELLOTO, Heloísa Liberralli. Arquivística: objetivos, princípios e rumos. São Paulo: Associação dos Arquivistas de São Paulo, 2002.

BORKO, H. Information science: what is it? American Documentation,

Washington, v. 19, n. 1, p. 3-5, 1968. Disponível em: <http://cdigital.uv.mx/bitstream/123456789/6699/2/Borko.pdf>. Acesso em: 23 mar. 2016.

BRÄSCHER, Marisa; CAFÉ, Ligia. Organização da informação ou organização do conhecimento? In: LARA, Marilda Lopes Ginez de; SMIT, Johanna Wilhelmina (Org.). Temas de pesquisa em Ciência da Informação no Brasil. São Paulo: USP, 2010. p. 85-102.

CAMPOS, Maria Luiza de Almeida. Indexação e descrição em arquivos: a questão da representação e recuperação de informações. Arquivo & Administração, Brasília, v. 5, p. 17-31, 2006.

CAVALCANTI, Coedélia Robalinho. Indexação e tesauro: metodologia e técnicas. Brasília: ABDF, 1978.

DIAS, Eduardo Wense; NAVES, Madalena Martins Lopes. Análise de assunto: teoria e prática. 2. ed. rev. Brasília: Briquet de Lemos, 2013.

DOOLEY, Jackie. M. Subject indexing in context. American Archivist, Menasha, v. 55, n. 2, p. 344-354, Srping, 1992.

DRYDEN, Jean E. Subject headings: the PAASH experience. Archivaria, Ottawa, v. 24, p. 173-180, Summer 1987.

ELINGS, Mary. W. Pictoral archives and EAD: indexing collections for online access. Art Documentation, Chicago, v. 19, n. 2, p. 10-14, 2000.

ESTEBAN NAVARRO, Miguel Angel. La representación y la organización del conocimiento en los archivos. In: ENCUENTRO DE ISKO-ESPAÑA, 1., 1993, Madrid. Actas... Zaragoza: Universidad de Zaragoza: Librería General. 1995. p. 65-90.

FENTON, Candida. Use of controlled vocabulary and thesauri in UK Online finding aids. Journal of the Society of Archivists, [S.l.], v. 31, n. 2, p. 187-205, 2010.

FONSECA, Maria Odila Kahl. Arquivologia: origens e circunstâncias. In:

FONSECA, Maria Odila Kahl. Arquivologia e Ciência de Informação. Rio de Janeiro: FGV, 2005. p. 55-72.

GAGNON-ARGUIN, Louise. Documentary analysis 2: current problems relating to documentary analysis. Archives, Quebec, v. 28, n. 3-4, p. 23-41, 1996-1997.

GARROD, Peter. Use of the UNESCO Thesaurus for archival subject indexing at UK NDAD. Journal of the Society of Archivists, [S.l.], v. 21, n. 1, p. 37-5, 2000.

GIL, Antônio Carlos. Métodos e técnicas de pesquisa social. 6. ed. São Paulo: Atlas, 2008.

GUITARD, Laure Amélie. Indexation par sujet en archivistique et en bibliothéconomie: du pareil au meme? Documentation et bibliothèques, Montreal, v. 59, n. 4, p. 201-212, 2013.

HICKS, Shauna. Indexing archives for access. The Indexer, London, v. 24, n. 4, Oct. 2005.

HODGSON, N. Analyse documentaire III: thésaurus et fichier d’autorité à l’Université Concordia. Archives, Quebec, v. 28, n. 3, 1996-1997.

HUDON, M. Indexing and documentary languages in archival environments in the era of new information technologies. Archives, Quebec, v. 29, n. 1, p. 75-98, 1997-1998.

JAPIASSU, Hilton. Introdução ao pensamento epistemológico. 2. ed. Rio de Janeiro: Francisco Alves, 1977.

JOHNSON, L C. Archive indexing. Indexer, London, v. 4, n. 4, p.105-108, Autumn 1965.

LÉVESQUE, Michel. L'indexation: luxe ou necessite? Archives, Quebec, v. 33, n. 1, 2001, p. 17-45, 2001-2002.

LOPES, Luiz Carlos. A nova Arquivística na modernização administrativa. 2. ed. [S.l.: s.n.], 2009.

LYTLE, Richard H. Intellectual access to archives: II. report of an experiment comparing provenance and content indexing methods of subject retrieval. American Archivist, Menasha, v. 43, n. 2, p. 191-207, Spring 1980.

MACNEIL, Heather. Subject access to archival fonds: balancing provenance and pertinence. Fontes Artis Musicae, Kassel, v. 43, n. 3, p. 242-258, July/Sept.1996.

MCNITT, William H. Development of the PRESNET subject descriptor thesaurus. American Archivist, Menasha, v. 52, n. 3, p. 358-364, 1989.

OSTROFF, Harriet. Subject access to archival and manuscript material. American Archivist, Menasha, v. 53, n. 1, p. 100-105, 1990.

PINHEIRO, Lena Vânia Ribeiro. Campo interdisciplinar da Ciência da Informação: fronteiras remotas e recentes. Investigación Bibliotecológica, Ciudad de México, v. 12, n. 25, p.132-163, 1998.

PINHEIRO, Lena Vânia Ribeiro. Evolução e tendências da Ciência da Informação, no exterior e Brasil: quadro comparativo a partir de pesquisas históricas e empíricas. In: ORRICO, Evelyn Goyannes Dill. (Org.). ENCONTRO NACIONAL DE PESQUISA EM CIÊNCIA DA INFORMAÇÃO, 6., 2005, Florianópolis. Anais... Florianópolis: ANCIB, 2005.

RABELLO, Rodrigo. A Ciência da Informação como objeto: epistemologias como lugares de encontro. Perspectivas em Ciência da Informação, Belo Horizonte, v. 17, n. 1, p. 2-36, jan./mar. 2012.

RIBEIRO, Fernanda. Indexação e controlo de autoridade em arquivos. Porto: Câmara Municipal do Porto, 1996a. Disponível em: <http://repositorio-aberto.up.pt/handle/10216/10721>. Acesso em: 18 fev. 2014.

RIBEIRO, Fernanda. O uso da classificação nos arquivos como instrumento de organização, representação e recuperação da informação. In: CONGRESSO ISKO ESPANHA E PORTUGAL, 1.; CONGRESO ISKO ESPAÑA 11., 2013, Porto. Atas... Porto: CETAC.MEDIA, 2013. Disponível em: <http://repositorio-aberto.up.pt/bitstream/10216/69659/2/fernandaribeirousoclassificacao000212002.pdf>. Acesso em: 18 fev. 2014.

RIBEIRO, Fernanda. Subject indexing and authority control in archives: the need for subject indexing in archives and for an indexing policy using controlled language. Journal of the Society of Archivists, [S.l.], v. 17, n. 1, April, 1996b.

RODRIGUES, Georget Medleg. A representação da informação em arquivística: uma abordagem a partir da perspectiva da norma internacional de descrição arquivística. In: RODRIGUES, Georget Medleg; LOPES, Ilza Leite (Org.). Organização e representação do conhecimento na perspectiva da ciência da informação. Brasília: Thesaurus, 2003. p. 210-230.

ROUSSEAU, Jean-Yves; COUTURE, Carol. Os fundamentos da disciplina arquivística. Lisboa: Dom Quixote, 1998. (Nova Enciclopédia, 56).

SARACEVIC, T. Ciência da Informação: origem, evolução e relações. Perspectivas em Ciência da Informação, Belo Horizonte, v. 1, n. 1, p. 41-62, jan./jun. 1996.

SCHENKOLEWSKI-KROLL, Silvia; TRACTINSKY, Assaf. Archival description, information retrieval, and the construction of thesauri in Israeli archives. Archival Science, v. 6, n. 1, p. 69-107, 2006.

SCHMIDT, Clarissa. Entre o documento de arquivo e a informação arquivística: reflexões acerca do objeto científico da arquivologia. In: ENCONTRO NACIONAL DE PESQUISA EM CIÊNCIA DA INFORMAÇÃO 14., 2013, Florianópolis. Anais... Florianópolis: ANCIB, 2013. Disponível em: <http://enancib.sites.ufsc.br/index.php/enancib2013/XIVenancib/paper/viewFile/408/242>. Acesso em: 18 fev. 2014.

SHERA, Jesse H.; CLEVELAND, Donald B. History and foundations of Information Science. Annual Review of Information Science and Technology, White Plains, v. 12, p. 249-275, 1977.

SILVA, Jonathas Luiza de Carvalho. Das concepções disciplinares na Ciência da Informação e/ou de suas configurações epistemológicas: o desiderato percepcionado da interdisciplinaridade. Investigación Bibliotecológica, Ciudad de México, v. 27, n. 59, 2013.

SMIRAGLIA, Richard P. Subject access to archival materials using LCSH. Cataloging and Classification Quarterly, New York, v. 11, n. 3-4, 1990.

SMIT, Johanna W. Recuperação, acesso e uso dos documentos arquivísticos. Ciência da Informação, Brasília, v. 41, n. 1, p. 11-23, jan./abr. 2013.

STOREY, Richard A. Indexing archives. Indexer, London, v. 5, n. 4, p.159-168, Autumn 1967.

SOUSA, Renato Tarciso Barbosa de. A classificação como função matricial do que-fazer arquivistico. In: SANTOS, Vanderlei Batista dos; INNARELLI, Humberto Celeste (Org). Arquivistíca: temas contemporâneos: classificação, preservação digital, gestão do conhecimento 2. ed. Brasília: SENAC, 2008. p. 77-172.

Downloads

Publicado

2017-01-01

Como Citar

MEDEIROS, G. M. de; BRÄSCHER, M.; VIANNA, W. B. A indexação de assunto em documentos arquivísticos: convergências e divergências em artigos internacionais. Em Questão, Porto Alegre, v. 23, n. 1, p. 154–182, 2017. DOI: 10.19132/1808-5245231.154-182. Disponível em: https://seer.ufrgs.br/index.php/EmQuestao/article/view/65586. Acesso em: 17 abr. 2024.

Edição

Seção

Artigo