Papel do Fator de Crescimento Endotelial Vascular nos Carcinomas de Tireóide

Autores

  • Clarissa Capp UFRGS/HCPA
  • Nadja Zennig UFRGS/Faculdade de Medicina, RS
  • Simone Wajner UFRGS/Faculdade de Medicina, RS
  • Ana Luiza Maia UFRGS/HCPA

Palavras-chave:

Angiogênese, fator de crescimento endotelial, cancer de tireóide

Resumo

O crescimento tumoral está diretamente relacionado com a neovascularização, a qual decorre do desequilíbrio entre os fatores pró-angiogênicos e antiangiogênicos, secretados pelas células neoplásicas O fator de crescimento endotelial vascular (VEGF) desempenha papel chave na angiogênese tumoral, estimulando a proliferação, migração e sobrevivência das células endoteliais. Atua através da ligação a receptores tirosina quinase específicos: VEGFR-1/Flt-1, VEGFR-2/KDR e VEGFR-3. O aumento da expressão do VEGF e de seus receptores tem sido associado à progressão, metastatização e pior prognóstico em diversos tumores malignos. A compreensão das vias moleculares que envolvem o mecanismo de indução da angiogênese tumoral por fatores de crescimento como o VEGF aumentam as possibilidades de novas terapêuticas a serem utilizadas no tratamento de tumores malignos humanos. Evidências indicam um importante papel do VEGF nas neoplasias da tireóide e a utilização de inibidores do VEGF ou de seus receptores pode constituir um importante recurso terapêutico, já tendo sido utilizado em determinados tipos de tumores humanos. O presente artigo tem como objetivo fazer uma revisão da atuação do VEGF no crescimento tumoral com enfoque nas neoplasias malignas da tireóide.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Clarissa Capp, UFRGS/HCPA

Programa de Pós-Graduação em Cências Médicas: Endocrinologia

Ana Luiza Maia, UFRGS/HCPA

Serviço de Endocrinologia

Downloads

Publicado

2009-04-20

Como Citar

1.
Capp C, Zennig N, Wajner S, Maia AL. Papel do Fator de Crescimento Endotelial Vascular nos Carcinomas de Tireóide. Clin Biomed Res [Internet]. 20º de abril de 2009 [citado 4º de dezembro de 2022];29(1). Disponível em: https://seer.ufrgs.br/index.php/hcpa/article/view/8151

Edição

Seção

Artigos de Revisão

Artigos mais lidos pelo mesmo(s) autor(es)