Carta aos(às) professores(as) de artes e pedagogos(as): diálogos entre Annas, Aninhas e Coras

Autores

DOI:

https://doi.org/10.22456/2357-9854.117520

Palavras-chave:

Arte/educação. Arte na Pedagogia. Ensino de artes. Formação de professores. Educação.

Resumo

Trabalhar o ensino/aprendizagem da arte nos cursos de Pedagogia se configura como um grande e hercúleo desafio perante a realidade educacional brasileira e as especificidades da formação de pedagogos. Esse artigo/carta é um recorte/relato vivencial da minha experiência à frente da disciplina de Arte e Educação II do Curso de Pedagogia da Faculdade de Educação da Universidade Federal de Goiás no período de 2004 a 2019. Compartilho, entre a escrita epistolar, os poemas de Cora Coralina e os referenciais acadêmicos, a narrativa dos caminhos percorridos junto aos alunos e às alunas que tinha como meta levar à compreensão dos processos de ensino/aprendizagem da arte na educação infantil e nas séries iniciais. Leitura de imagens, desenho infantil, Abordagem Triangular e formação cultural são alguns dos temas presentes. Assim como são abordados aqui algumas metodologias, autores e processos avaliativos que, espero, encontrem encaixes/espaços de diálogos preciosos e reflexivos com os educadores, sujeitos a quem esta carta/artigo se destina.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Anna Rita Ferreira de Araújo, Universidade Federal de Goiás — UFG, Goiânia/GO

Professora adjunta da Universidade Federal de Goiás, atualmente em licença para estudos nos Estados Unidos da América. Graduação em Educação Artística – Habilitação Artes Plásticas pela Universidade Federal de Goiás (1990). Mestre e doutora em Artes pela Universidade de São Paulo.

Referências

ARAÚJO, Anna Rita. Os cursos de pedagogia e o ensino da arte: aspectos legais e históricos. Trama Interdisciplnar, São Paulo: v. 6, n. 2, 2015. Disponível em: http://editorarevistas.mackenzie.br/index.php/tint/article/view/8340. Acesso em: 8 jan. 2020.

ARAÚJO, Anna Rita. A invenção de Hugo Cabret (Hugo). In: SAMPAIO, Jurema Luzia de Freitas (org.). Usando filmes nas aulas de arte. Curitiba: CRV, 2012.

BARBOSA, Ana Mae. A Imagem no ensino da arte. 2. ed. São Paulo: Perspectiva, 1994.

BOAL, Augusto. 200 exercícios e jogos para o ator e o não-ator com vontade de dizer algo através do teatro. 3 ed. Rio de Janeiro: Civilização Brasileira, 1980.

BRASIL. Ministério da Educação. Conselho Nacional de Educação/CP. Resolução CNE/CP n.º 1, de 15 de maio de 2006. Institui diretrizes curriculares nacionais para o curso de graduação em Pedagogia, licenciatura. Brasília, DF: MEC, 2006.

BRASIL. Secretaria de Educação Fundamental. Parâmetros curriculares nacionais: arte / Secretaria de Educação Fundamental. Brasília, DF: MEC/SEF, 1997.

CORALINA, Cora. Amigo. [S.l.]: Escritas.org, [20--]a. Disponível em: https://www.escritas.org/pt/t/12948/amigo. Acesso em: 6 jan. 2020.

CORALINA, Cora. Ainda não. [S.l.]: Tudo É Poema, 2021. Disponível em: https://www.tudoepoema.com.br/cora-coralina-ainda-nao/. Acesso em: 6 jan. 2021.

CORALINA, Cora. Aninha e suas pedras. [S.l.]: Tudo É Poema, 2017. Disponível em: https://www.tudoepoema.com.br/cora-coralina-aninha-e-suas-pedras/. Acesso em: 6 jan. 2020.

CORALINA, Cora. O cântico da terra. [S.l.]: Escritas.org, [20--]b Disponível em: https://www.escritas.org/pt/t/9460/o-cantico-da-terra. Acesso em: 6 jan. 2020.

CORALINA, Cora. Ofertas de Aninha (aos Moços). [S.l.]: Tudo É Poema, 2018. Disponível em: https://www.tudoepoema.com.br/cora-coralina-ofertas-de-aninha-aos-mocos/. Acesso em: 6 jan. 2020.

CYPRIANO, Fabio. Beuys e o abandono à arte. [S.l.]: Academia, 2011. Disponível em: https://www.academia.edu/24952864/Beuys_e_o_abandono_%C3%A0_arte. Acesso em: 5 jan. 2020.

FREIRE, Paulo. Pedagogia da autonomia: saberes necessários à prática educativa. São Paulo: Paz e Terra, 2002.

HOFMANN, Jussara. Avaliação Mediadora: uma prática em construção da pré-escola à universidade. Porto Alegre: Mediação, 2009.

HOUSEN, Abigail. The eye of the beholder: measuring aesthetic development. Harvard: School of Education, Harvard University, 1983. (Doctoral Thesis)

JAPIASSU, Ricardo. Metodologia do ensino de teatro. Campinas: Papirus, 2001

LOWENFELD, Viktor; BRITTAIN, William Lambert. Desenvolvimento da capacidade criadora. São Paulo: Mestre Jou, 1977.

MACHADO, Regina. Abordagem Triangular. Revista GEARTE, Porto Alegre, v. 4, n. 2, p. 337-345, maio/ago. 2017. Disponivel em: https://doi.org/10.22456/2357-9854.75212. Acesso em: 8 jna. 2020.

PARSONS, Michael. Compreender a arte. Lisboa: Presença, 1992.

PEIRCE, Charles Sanders. Semiótica. Tradução de José Teixeira Coelho Neto. 3. ed. São Paulo: Perspectiva, 1999.

PILLAR, Analice Dutra. Desenho e escrita como sistemas de representação. Porto Alegre: Artes Médicas, 1996.

ROSSI, Maria Helena Wagner. A arte como modelo de compreensão. Arte & Educação em Revista, Porto Alegre, v. 4, n. 3, p. 61-69, out. 1997.

ROSSI, Maria Helena Wagner. Imagens que falam: leitura da arte na escola. Porto Alegre: Mediação,2003.

SAVIANI, D. Escola e democracia. 32. ed. Campinas: Autores Associados, 1999.

UNIVERSIDADE FEDERAL DE GOIÂNIA. Projeto Político Pedagógico do curso de Pedagogia. [Goiânia: UFG], 2003.

Downloads

Publicado

2021-08-08

Como Citar

ARAÚJO, A. R. F. de. Carta aos(às) professores(as) de artes e pedagogos(as): diálogos entre Annas, Aninhas e Coras. Revista GEARTE, [S. l.], v. 8, n. 2, 2021. DOI: 10.22456/2357-9854.117520. Disponível em: https://seer.ufrgs.br/index.php/gearte/article/view/117520. Acesso em: 7 dez. 2022.

Edição

Seção

Arte na Pedagogia: processos educativos de poetizar, fruir e conhecer arte