Efeito da variação do consumo de cimento em argamassas de revestimento produzidas com base nos conceitos de mobilidade e empacotamento de partículas

Autores

  • Marcel Hark Maciel Escola Politécnica - Universidade de São Paulo
  • Heitor Montefusco Bernardo Centro Universitário Sant'Anna
  • Gabriela Simões Soares Faculdade de Tecnologia de São Paulo (FATEC)
  • Roberto Cesar de Oliveira Romano Escola Politécnica - Universidade de São Paulo
  • Maria Alba Cincotto Escola Politécnica - Universidade de São Paulo
  • Rafael Giuliano Pileggi Escola Politécnica - Universidade de São Paulo

Palavras-chave:

Argamassas de revestimento, consumo de cimento, empacotamento de partículas, mobilidade das partículas

Resumo

A redução do consumo de cimento na composição de argamassas de revestimento é uma alternativa para a diminuição do impacto ambiental provocado na cadeia de produção do ligante. A utilização de materiais cimentícios suplementares (supplementary cementitious materials – SCM) e a dosagem com base nos conceitos de empacotamento e mobilidade de partículas são estratégias que podem resultar nas propriedades projetadas tanto no estado fresco quanto endurecido. O objetivo deste trabalho foi ilustrar a influência da alteração no consumo de ligante nas propriedades no estado fresco e endurecido de argamassas de revestimento mantendo-se constante a distribuição de tamanho de partículas, o que resultou em porosidade de empacotamento com insignificante variação. O consumo de cimento variou de 8% a 16% em massa, com adição de filler calcário como SCM, sendo que a consistência foi a mesma devido à alteração dos teores de água nas argamassas. Os resultados indicaram que a redução no consumo de cimento afeta negativamente as propriedades no estado endurecido, mas ainda assim atendem às exigências estabelecidas para esse tipo de revestimento.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Marcel Hark Maciel, Escola Politécnica - Universidade de São Paulo

Mestrando em Engenharia de Construção Civil no Laboratório de Microestrutura e Ecoeficiência de Materiais (LME)

Heitor Montefusco Bernardo, Centro Universitário Sant'Anna

Graduando em Engenharia Civil

Gabriela Simões Soares, Faculdade de Tecnologia de São Paulo (FATEC)

Graduanda em Edifícios

Roberto Cesar de Oliveira Romano, Escola Politécnica - Universidade de São Paulo

Pós-Doutorando em Engenharia Civil pela Escola Politécnica da Universidade de São Paulo

Maria Alba Cincotto, Escola Politécnica - Universidade de São Paulo

Professora/Doutora da Escola Politécnica da Universidade de São Paulo

Rafael Giuliano Pileggi, Escola Politécnica - Universidade de São Paulo

Professor/Doutor da Escola Politécnica da Universidade de São Paulo

Downloads

Publicado

2017-12-20

Artigos mais lidos pelo mesmo(s) autor(es)

> >>