O ENSINO DOS JOGOS DESPORTIVOS COLECTIVOS. PERSPECTIVAS E TENDÊNCIAS

Autores

  • Julio Manuel Garganta da Silva Universidade do Porto, Portugal

DOI:

https://doi.org/10.22456/1982-8918.2373

Palavras-chave:

Jogos desportivos. Ensino. Aprendizagem. Tática. Técnica.

Resumo

No decurso da sua existência, os Jogos Desportivos Coletivos (JDC) têm sido ensinados, treinados e investigados à luz de diferentes perspectivas, as quais subentendem distintas focagens a propósito do conteúdo dos jogos e das características do ensino-treino. Tais diferenças podem assumir capital importância para a reflexão e estudo, desde que questionadas e esclarecidas. Todavia, isso requer uma sistematização das operações de classificação correntes sobre as perspectivas e tendências que se têm imposto. Com o presente artigo, pretendemos construir um quadro de referências que coloque em relação as diferentes formas de abordar os JDC e as concepções que as sustentam.

 

Throughout their existence, Collective Sportive Games (CSG) have been taught, trained, and investigated in light of different perspectives, which imply approaches that vary according to the content od the games and the teachingtraining characteristics. Such differences may be of vital be of vital importance both for the study and the reílection of CSG, provided they are questioned and clarified. Nonetheless, this requires a systematization of the current operations of classification on the prevaling perspective and trends. The present article aims at building up a referential framework that puts into relation the several forms of approaching CSG, and the concepts that support these approaches.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Julio Manuel Garganta da Silva, Universidade do Porto, Portugal

Doutor em Ciência do Desporto e Professor da Faculdade de Ciências do Desporto e de Educação Física da Universidade do Porto, Portugal.

Downloads

Publicado

2007-09-07

Como Citar

SILVA, J. M. G. da. O ENSINO DOS JOGOS DESPORTIVOS COLECTIVOS. PERSPECTIVAS E TENDÊNCIAS. Movimento, [S. l.], v. 4, n. 8, p. 19–27, 2007. DOI: 10.22456/1982-8918.2373. Disponível em: https://seer.ufrgs.br/index.php/Movimento/article/view/2373. Acesso em: 26 nov. 2022.

Edição

Seção

Artigos Originais