AVALIAÇÃO DA UTILIZAÇÃO DE RECURSOS DE ENSINO ON-LINE RELACIONADOS A DIFERENTES ESTILOS DE APRENDIZAGEM

Autores

  • Anderson Amendoeira Namen Universidade do Estado do Rio de Janeiro / Universidade Veiga de Almeida
  • Cassia Mousinho de Figueiredo Universidade Veiga de Almeida
  • Danielle Spada Tavares Universidade Veiga de Almeida
  • Elisa Troian Rodrigues Universidade Veiga de Almeida
  • Paulo Marcos Figueiredo de Andrade Universidade Veiga de Almeida
  • Reynaldo Gomes Lopes Universidade Veiga de Almeida

DOI:

https://doi.org/10.22456/1982-1654.63305

Palavras-chave:

Educação, Estilos de aprendizagem, Ambiente on-line, Práticas pedagógicas

Resumo

O presente trabalho apresenta os resultados de uma pesquisa que objetivou a criação de recursos on-line para apoio ao ensino de uma disciplina presencial de cursos de engenharia, com foco na criação de objetos de aprendizagem que pudessem atender aos diferentes estilos de aprendizagem dos estudantes. A partir da identificação dos estilos de aprendizagem de cada aluno, realizou-se a avaliação do seu comportamento com relação aos diferentes objetos. Mais do que avaliar o comportamento dos estudantes, o principal foco do trabalho foi desenvolver recursos de ensino que pudessem responder aos diferentes perfis de aprendizagem, de modo a contribuir para a melhoria do processo de ensino-aprendizagem.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Anderson Amendoeira Namen, Universidade do Estado do Rio de Janeiro / Universidade Veiga de Almeida

Doutor em Engenharia de Sistemas e Computação - COPPE/UFRJ. Professor Adjunto da Universidade do Estado do Rio de Janeiro e Professor da Universidade Veiga de Almeida.

Cassia Mousinho de Figueiredo, Universidade Veiga de Almeida

Doutora em Engenharia de Produção - UFRJ. Professora da Universidade Veiga de Almeida.

Danielle Spada Tavares, Universidade Veiga de Almeida

Mestre em Psicanálise, Saúde e Sociedade - UVA. Professora da Universidade Veiga de Almeida.

Elisa Troian Rodrigues, Universidade Veiga de Almeida

Mestre em Psicologia - UFRJ. Professora da Universidade Veiga de Almeida.

Paulo Marcos Figueiredo de Andrade, Universidade Veiga de Almeida

Doutor em Computação Visual e Interfaces pela Universidade Federal Fluminense. Professor da Universidade Veiga de Almeida.

Reynaldo Gomes Lopes, Universidade Veiga de Almeida

Mestre em Educação - UERJ. Professor da Universidade Veiga de Almeida.

Referências

BARBOSA, L.M., PORTES, L.A.F. A formação de professores para o ensino da língua portuguesa na contemporaneidade. In: NAMEN, A.A. (Org.). Um caleidoscópio do ensino de Língua Portuguesa. Porto Alegre: Armazém Digital, 2013, p. 49 – 72.

BAUMAN, Z. Modernidade líquida. trad. Plínio Dentzien. Rio de Janeiro: Jorge Zahar Editor, 2001.

FELDER, R.M., SILVERMAN L.K, Learning and teaching styles in engineering education, Engineering Education, 78, 1988, pp. 674–681.

FELDER, R.M., BRENT, R. "Understanding Student Differences." J. Engr. Education, 94(1), 57-72, 2005.

FELDER, R.M., SPURLIN, J.E. "Applications, Reliability, and Validity of the Index of Learning Styles." Intl. Journal of Engineering Education, 21(1), 103-112, 2005.

FELDER, R.M. ARE LEARNING STYLES INVALID? (HINT: NO!). On-Course Newsletter, September, 27, 2010. Disponível em http://www4.ncsu.edu/unity/lockers/users/f/felder/public/Papers/LS_Validity%28On-Course%29.pdf. Acessado em 25-mar-2016.

GRAF, S. Adaptivity in Learning Management Systems Focussing on Learning Styles. Ph.D. Thesis. Vienna University of Technology Faculty of Informatics. Vienna, 2007.

GRAF, S., KINSHUK, LIU, T. Identifying Learning Styles in Learning Management Systems by Using Indications from Students’ Behaviour. In: Eighth IEEE International Conference on Advanced Learning Technologies, 2008.

HOEHSTEIN, G., KEMCZINSKI, A., GASPARINI, I., PIMENTA, M.S. Diagnóstico do estilo de aprendizagem do aluno a partir de ferramentas de comunicação. Cadernos de Informática. Volume 6, Número 1, 2011.

HONEY, P., MUMFORD, A. The Manual of Learning Styles. Peter Honey, Maidenhead, 1982.

JOHNSON, L., ADAMS BECKER, S., CUMMINS, M., ESTRADA, V., FREEMAN, A., LUDGATE, H. NMC Horizon Report: 2013 Higher Education Edition. Austin, Texas: The New Media Consortium, 2013.

KOLB, D.A. Experiential Learning: Experience as the Source of Learning and Development, Prentice-Hall, Englewood Cliffs, New Jersey, 1984.

LEE, J.C., FORLIZZI, J., HUDSON, S.E. The Kinetic Typography Engine: An Extensible System for Animating Expressive Text, In Proceedings of UIST02, 2002, pp 81-90.

LIVESAY, G., DEE, K., FELDER, R., HITES, L., NAUMAN, E., O’NEAL, E. Statistical evaluation of the index of learning styles. Session, 2430, 16-19, 2002.

MATAR, J., VALENTE, C. Second Life e Web 2.0 na educação: o potencial revolucionário das novas tecnologias. São Paulo: Novatec Editora, 2007.

MOSCOVICI, S. A representação social da psicanálise. Rio de Janeiro, RJ: Zahar, 1978.

MYERS, I.B., MYERS, P.B. Ser Humano é ser diferente: valorizando as pessoas por seus dons especiais. Tradução de Eliana Rocha; Ilda Schulter. São Paulo: Gente, 1997.

PIAGET, J. A formação do símbolo na criança: imitação, jogo e sonho; imagem e representação. Tradução de Álvaro Cabral e Cristiano Monteiro Oiticica 3.ed. Rio de Janeiro: LTC, 1964.

PIAGET. J. Para onde vai a educação? 20ª ed. Rio de Janeiro: José Olympio, 2011.

VYGOTSKY, L.S. Imaginação e criação na infância: ensaio psicológico. Apresentação e comentários de Ana Luiza Smolka. Tradução de Zoia Prestes. São Paulo: Ática, 2009.

ZYWNO, M.S. A contribution to validation of score meaning for Felder Soloman’s Index of Learning Styles. Proceedings of the 2003 American Society for Engineering Education Annual Conference & Exposition, 2003.

Downloads

Publicado

2017-09-08

Como Citar

NAMEN, A. A.; FIGUEIREDO, C. M. de; TAVARES, D. S.; RODRIGUES, E. T.; ANDRADE, P. M. F. de; LOPES, R. G. AVALIAÇÃO DA UTILIZAÇÃO DE RECURSOS DE ENSINO ON-LINE RELACIONADOS A DIFERENTES ESTILOS DE APRENDIZAGEM. Informática na educação: teoria & prática, Porto Alegre, v. 20, n. 2 mai/ago, 2017. DOI: 10.22456/1982-1654.63305. Disponível em: https://seer.ufrgs.br/index.php/InfEducTeoriaPratica/article/view/63305. Acesso em: 5 dez. 2022.