BOXE AMADOR ESPANHOL: ORIGEM E EVOLUÇÃO ATÉ OS JOGOS OLÍMPICOS DE TOKYO-1964

Autores

DOI:

https://doi.org/10.22456/1982-8918.102630

Palavras-chave:

Boxe. Esportes. História. Tóquio.

Resumo

Esta investigação recupera os fatos e circunstâncias históricas que envolveram o boxe desde a sua origem nas estruturas federativas espanholas até a participação espanhola nos Jogos Olímpicos de Tóquio, em 1964. Este trabalho historiográfico utilizou análise documental e entrevistas semiestruturadas para recuperar e contrastar informações dos arquivos institucionais, pessoais e jornalísticos, recolhendo informação inédita do arquivo pessoal e da entrevista de um boxeador participante em Tóquio-64. Madrid e Barcelona promoveram a prática pugilística na Espanha nas primeiras décadas do século XIX. A chegada dos boxeadores estrangeiros levou à estruturação e à regulamentação do boxe e, em consequência, em 1922, foi fundada a Federação Espanhola de Boxe, que passou a fazer parte das estruturas olímpicas. A Guerra Civil espanhola significou uma pausa, mas nos anos 1960 surgiu uma geração de boxeadores que, apesar das circunstâncias precárias, conseguiram comparecer aos Jogos Olímpicos e ter muitas vitórias subsequentes.

 

Downloads

Não há dados estatísticos.

Publicado

2020-12-29

Como Citar

CALLE-MOLINA, M.-T.; MARTÍNEZ-GORROÑO, M. E. BOXE AMADOR ESPANHOL: ORIGEM E EVOLUÇÃO ATÉ OS JOGOS OLÍMPICOS DE TOKYO-1964. Movimento, [S. l.], v. 26, p. e26094, 2020. DOI: 10.22456/1982-8918.102630. Disponível em: https://seer.ufrgs.br/index.php/Movimento/article/view/102630. Acesso em: 25 jun. 2022.

Edição

Seção

Artigos Originais