Conceito de autoria como intermédio para noções sobre arte e indústria

Gustavo Henrique Ferreira Bittencourt, Josimey Costa da Silva

Resumo


O artigo discute o conceito de autoria no cinema como fonte originária de reverberação de valores que incidem nos significados relacionados às noções sobre arte e indústria. Esta revisão crítica e histórica tem a intenção de interpretar a repercussão social da função simbólica da noção de autoria mediante marcas de renomados diretores, com observações sobre os efeitos desta distinção para o comércio do cinema global. Assume-se, ainda, um ponto de inflexão sobre o conceito de star system, deslocando a perspectiva dos atores e atrizes como estrelas para pôr em foco a condição de celebridade do diretor considerado autor como representação artística na história cultural do cinema. As inferências do artigo surgem como resultado de uma análise sobre os efeitos da concepção de autoria como marca de produtos cinematográficos.

 


Palavras-chave


Cinema. Star system. Autoria. Performance. Marca.

Texto completo:

PDF


DOI: https://doi.org/10.19132/1807-8583202048.121-139



Intexto | E-ISSN 1807-8583 | Facebook | Google Scholar 

Classificação Qualis: B1 - Comunicação, Informação, História, Letras/Linguística  | B2 - Psicologia | B3 - Ciência Política e Relações Internacionais, Arquitetura, Urbanismo e Design, Ciências Ambientais, Interdisciplinar | B4 - Sociologia. 

Programa de Pós-graduação em Comunicação | Universidade Federal do Rio Grande do Sul

Rua Ramiro Barcelos, 2705 sala 519 - Porto Alegre, RS, Brasil | E-mail: Intexto @ufrgs.br

Membro Associação Brasileira de Editores Científicos 

Signatária DORA (San Francisco Declaration on Research Assessment)