Níveis de atividade física e uso de substâncias psicoativas em adolescentes escolares da região metropolitana de Porto Alegre

Autores

  • Alexandre Dido Balbinot
  • Renata Brasil Araujo
  • Gabriel Soares Ledur Alves

Palavras-chave:

Atividade física, drogadição, estudantes, adolescentes.

Resumo

 

Introdução: O presente estudo tem por objetivo analisar a associação entre o nível de atividade física como prática corporal inclusa na rotina de adolescentes e a utilização de substâncias psicoativas.

 

Método: Estudo transversal com 147 adolescentes escolares. Avaliou-se a prática de atividade física, o perfil de consumo e os dados sociodemográficos por meio de questionários. Resultados: Observou-se um percentual de adolescentes ativos de 44,2% (N=65); com tempo gasto sentado durante a semana de 282,71 horas, e no final de semana de 305,97 horas. Evidenciou-se correlação positiva moderada entre o “tempo gasto sentado durante a semana” e a “quantidade média de álcool utilizada” (r=,450; p<0,05).

 

Conclusões: Ficou evidente a existência de um grande percentual de adolescentes categorizados como inativos, tendo-se também observado no presente estudo associação entre ser ativo e ter utilizado substâncias psicoativas ilícitas recentemente.

.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Alexandre Dido Balbinot

Educador Físico. Especialista em Saúde Coletiva com ênfase em Saúde Mental Coletiva RIS/ESP/HPSP - Especialista em Avaliação e Prescrição de Treinamento Físico Personalizado com ênfase em Rendimento e Saúde Coletiva ESEF/UFRGS – Mestando em Saúde Coletiva UNISINOS.

Renata Brasil Araujo

Doutora em Psicologia - PUCRS - Coordenadora dos Programas de Dependência Química e de Terapia Cognitivo-Comportamental do HPSP.

Gabriel Soares Ledur Alves

Educador Físico. Especialista em Saúde Mental Coletiva Ênfase em Álcool e outras Drogas ESP/HPSP.

Downloads

Publicado

2013-11-08

Como Citar

1.
Balbinot AD, Araujo RB, Alves GSL. Níveis de atividade física e uso de substâncias psicoativas em adolescentes escolares da região metropolitana de Porto Alegre. Clin Biomed Res [Internet]. 8º de novembro de 2013 [citado 29º de janeiro de 2023];33(3/4). Disponível em: https://seer.ufrgs.br/index.php/hcpa/article/view/39628

Edição

Seção

Artigos Originais

Artigos mais lidos pelo mesmo(s) autor(es)

Artigos Semelhantes

1 2 3 4 > >> 

Você também pode iniciar uma pesquisa avançada por similaridade para este artigo.