Mapeamento dos cursos de Pedagogia e do estado da arte sobre indicadores da Arte na Pedagogia

Autores

DOI:

https://doi.org/10.22456/2357-9854.117523

Palavras-chave:

Curso de Pedagogia. Arte. Conhecimento.

Resumo

O objetivo do texto é mapear, descrever e sistematizar as pesquisas brasileiras que têm como foco de estudo a Arte na Pedagogia, pesquisando e mapeando os cursos de licenciatura em Pedagogia no Brasil e do estado da arte e do conhecimento das produções acadêmicas sobre a arte na Pedagogia, no período de 2006 a 2018, com a problemática investigada: Qual é o estado da arte e do conhecimento das produções da pesquisa acadêmicas sobre e da Arte na Pedagogia? A pesquisa é qualitativa delineada pela metodologia do Estado da Arte e do Conhecimento em que foi encontrado 43 produções científicas no período de 12 anos.  O Brasil em 2018, tinha 2752 cursos de Pedagogia, destes 1333 cursos presenciais e 1389 EaD, sendo que no Paraná tem 183 cursos Pedagogia.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Ana Luiza Ruschel Nunes, Universidade Estadual de Ponta Grossa — UEPG, Ponta Grossa/PR

Professora/pesquisadora Associada e artista. Atua no Curso de Graduação em Artes Visuais, no Programa de Pós-Graduação em Educação, da Universidade Estadual de Ponta Grossa/PR. Graduada em Educação Artística e Artes Plásticas. Mestre em Educação-Universidade Federal de Santa Maria/RS. Doutora em Educação pela Universidade Estadual de Campinas/SP. Pós-Doutorado em Artes Visuais na Universidade do Estado de Santa Catarina. Coordena o Grupo de Estudos e Pesquisa GEPAVEC-UEPG/CNPQ. 

Andréia Bulaty, Universidade Estadual do Paraná — UNESPAR, União da Vitória/PR

Professora do Curso de Pedagogia da Universidade Estadual do Paraná / Campus União da Vitória. Graduada em Pedagogia pela Universidade Estadual do Centro Oeste. Mestre e Doutora em Educação pela Universidade Estadual de Ponta Grossa, onde hoje é pós- doutoranda. Integrante do Grupo de Pesquisa em Artes Visuais, Educação e Cultura; Práxis Educativa: estudos sobre a infância e práticas pedagógicas; Grupo de Estudos e Pesquisa em Educação: Teoria e Prática.

Referências

ADORNO, Theodor; HORKHEIMER, Max. Dialética do Esclarecimento: fragmentos filosóficos. Rio de Janeiro: Jorge Zahar, 1985.

ADORNO, Theodor. Educação e emancipação. Rio de Janeiro: Paz e Terra, 1995.

ADORNO, Theodor. Teoria da semicultura. Educação e Sociedade, ano 17, n. 56, set./dez. 1996, p. 24-56

ADORNO, Theodor. A dimensão estética. Portugal: Edições 70, 2000.

ADORNO, Theodor. Dialética negativa. Tradução de Marco Antonio Casanova. Rio de Janeiro: Zahar, 2010.

AGUIAR, W. F. Adorno e a dimensão social da arte. Revista Urutágua. Maringá, n. 15, abr./jul. 2018, p. 35-41.

ALVES, Fabiola Cristina. O “estado da arte” do ensino de artes visuais: novos e velhos desafios. Plures humanidades, v. 17, n. 1, 2018, p. 1-12.

ANDRÉ, Marli. Pesquisas sobre formação de professores: uma análise das racionalidades. Educação & Linguagem, São Paulo, v. 9, n. 14, p. 90-140, jul./dez., 2006.

ARAÚJO, Anna Rita. Os cursos de pedagogia e o ensino da arte: aspectos legais e históricos. Trama Interdisciplinar, São Paulo, v. 6, n. 2, p. 37-58, mai./ago., 2015.

BRASIL, Ministério da Educação. Diretrizes Curriculares Nacionais para o Curso de Graduação em Pedagogia, Licenciatura. Resolução CNE/CP nº 1/2006, de 15 de maio de 2006.

BULATY, Andréia; NUNES, Ana Luiza Ruschel. O currículo e as Artes Visuais nos cursos de licenciatura em Pedagogia no Estado do Paraná. 1. ed. Curitiba: CRV, 2020.

BULATY, Andréia; ADENA, Kelly. Ateliê de arte na infância: construção de identidade e sentidos. In: UJIIE, Nájela Tavares; PIETROBON, Sandra Regina Gardacho. Práxis Educativa e Infância: intersecção para a formação integra da criança. Curitiba: CRV, 2017, p. 177- 191.

FERREIRA, Norma Sandra de Almeida. As pesquisas denominadas “Estado da Arte”. Educação & Sociedade, Campinas, v. 23, n. 79, p. 257-272, 2002.

FIGUEIREDO, Sérgio Luiz Ferreira de. A música e as artes na formação do pedagogo: polivalência ou interdisciplinaridade? FAEEBA, Salvador, v. 26, n. 48, p. 79-96, jan./abr. 2017.

FIORENTINI, Dario. Rumos da pesquisa brasileira em educação matemática: o caso da produção científica em cursos de Pós-graduação. Tese (Doutorado em Educação) — Faculdade de Educação, Universidade Estadual de Campinas, Campinas, 1994.

LEITE, Edna Xenofonte et al. A formação do pedagogo para ensino de artes na educação infantil. In: CONGRESSO NACIONAL DE EDUCAÇÃO, 5., 2018, Olinda. Anais [...]. Olinda: CONEDU, 2018, p.10- 30.

LIBÂNEO, José. O Ensino da Didática, das Metodologias Específicas e dos Conteúdos Específicos do Ensino Fundamental nos Currículos dos Cursos de Pedagogia. Revista Brasileira de Estudos Pedagógicos, Brasília, v. 91, n. 229, p. 562-583, set./dez. 2010.

MARTINS, Mirian Celeste. Artes visuais: “a rainha” das linguagens artísticas nos cursos de pedagogia? Trama Interdisciplinar, São Paulo, v. 6, n. 2, p. 75-92, maio/ago, 2015a.

MARTINS, Mirian Celeste; LOMBARDI, Lucia Maria Salgado dos Santos. A arte na pedagogia e a formação do professor para educação infantil e anos iniciais: inquietações e esperanças. Trama Interdisciplinar, São Paulo, v. 6, n. 2, p. 23-36, maio/ago. 2015.

MARTINS, Mirian Celeste. Arte só na aula de arte? Educação, Porto Alegre, v. 34, n. 3, p. 311-316, set./dez. 2015.

MOMOLI, Daniel; EGAS, Olga. A dimensão estética na formação dos pedagogos. Trama Interdisciplinar, São Paulo, v. 6, n. 2, p. 59-74, maio/ago. 2015.

OSTETTO, Luciana Esmeralda; SILVA, Greice Duarte de Brito. Formação docente, Educação Infantil e arte: entre faltas, necessidades e desejos. Educação e Cultura Contemporânea, v. 15, n. 41, p. 260-271, 2018.

PANOFSKY, Erwin. Significado nas Artes Visuais. 3. ed. São Paulo: Perspectiva, 2007.

PIMENTA, Selma Garrido et al. Os cursos de licenciatura em pedagogia: fragilidades na formação inicial do professor polivalente. Educação Pesquisa, São Paulo, v. 43, n. 1, p.15-30, jan./mar. 2017.

ROMANOWSKI, Joana Paulin; ENS, Romilda Teodora. As pesquisas denominadas do tipo “estado da arte” em educação. Diálogo Educacional. Curitiba, v. 6, n. 19, p. 37-50, set./dez. 2006.

ROMERO, Lisane Anes; NUNES, Ana Luiza Ruschel. Formação e atuação de professores em educação infantil: processos colaborativos de pesquisa. 1. ed. Curitiba: Appris, 2017.

SOARES Magda. Alfabetização no Brasil: O Estado do conhecimento. Brasília: INEP/MEC, 1989.

VIDAL, Fabiana Souto Lima. A formação inicial em Pedagogia e o ensino da arte: um estudo em instituições de ensino superior do estado de Pernambuco. Dissertação (Mestrado em Educação) — Programa de Pós-Graduação em Educação, Universidade Federal de Pernambuco, Recife, 2011.

ZUIN, Antônio; PUCCI, Bruno; OLIVEIRA, Newton Ramos de. Adorno: o poder educativo do pensamento crítico. 3. ed. Petrópolis: Vozes, 2008.

Downloads

Publicado

2021-08-08

Como Citar

NUNES, A. L. R.; BULATY, A. Mapeamento dos cursos de Pedagogia e do estado da arte sobre indicadores da Arte na Pedagogia. Revista GEARTE, [S. l.], v. 8, n. 2, 2021. DOI: 10.22456/2357-9854.117523. Disponível em: https://seer.ufrgs.br/index.php/gearte/article/view/117523. Acesso em: 5 dez. 2022.

Edição

Seção

Arte na Pedagogia: processos educativos de poetizar, fruir e conhecer arte