Causas de custos adicionais e impacto financeiro em obras públicas sob a perspectiva da gestão de risco

Autores

  • Maria Carolina Gomes de Oliveira Brandstetter UFG
  • Helen Regina de Oliveira e Ribeiro

Palavras-chave:

Desvios de Custos, Gestão de Riscos, Obras Públicas

Resumo

Este trabalho tem por objetivo analisar as principais causas da contratação de serviços adicionais com impacto financeiro na construção de obras públicas, sob a perspectiva da gestão de risco. Uma revisão sistemática da literatura propiciou uma nova categorização das causas dos custos adicionais com base na taxonomia do risco. A etapa de campo envolveu a análise de contratos de obras novas e concluídas de uma autarquia federal vinculada ao ensino superior. Para análise das causas, foi realizada uma análise lexical das justificativas dos aditivos, por meio do software Iramuteq. A categorização das causas resultantes da revisão da literatura embasou a definição de cada categoria de risco. O impacto financeiro para cada categoria de risco foi mensurado por análises quantitativas. Os resultados apontam que o maior índice de risco corresponde à categoria de projetos, com 53% da frequência dos aditivos e 56% do impacto financeiro. As contribuições da pesquisa envolvem o modelo proposto para análise das causas dos custos adicionais baseado na taxonomia do risco e a associação das análises lexical e documental para redução da subjetividade e melhoria na condução do processo de mitigação do risco.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Downloads

Publicado

10.12.2019

Como Citar

BRANDSTETTER, M. C. G. de O.; RIBEIRO, H. R. de O. e. Causas de custos adicionais e impacto financeiro em obras públicas sob a perspectiva da gestão de risco. Ambiente Construído, [S. l.], v. 20, n. 1, p. 41–63, 2019. Disponível em: https://seer.ufrgs.br/index.php/ambienteconstruido/article/view/91298. Acesso em: 23 fev. 2024.

Edição

Seção

Gestão e Economia da Construção