Desenvolvimento de modelo físico de simulação espacial em projetos de HIS

Autores

  • César Imai Universidade Estadual de Londrina
  • Márcio Minto Fabricio Instituto de Arquitetura e Urbanismo - Universidade de São Paulo

Palavras-chave:

Projeto arquitetônico, Habitação de Interesse Social, Simulação, Avaliação pré-Projeto

Resumo

A mais frequente solução adotada para projetos de habitação de interesse social no país é a padronização, que em nome de uma maior racionalidade construtiva e de redução de custos opta pela repetição de uma única solução projetual. No momento em que as características dos usuários não são levadas em consideração no projeto, são comuns adaptações posteriores e reformas dispendiosas e pouco eficientes. O objetivo da presente pesquisa é investigar como as simulações com modelos físicos podem ser uma ferramenta para compreender e atender as demandas dos usuários e auxiliar na implementação de soluções mais adequadas. As simulações ocorreram em um estudo-piloto que visava explorar as potencialidades, características e limitações dos artefatos. Após o exercício de simulação foi aplicado um questionário que abordou questões sobre a compreensão dos usuários de aspectos espaciais e Ifuncionais. Os resultados indicam que os modelos tridimensionais possibilitam melhor entendimento por meio da imersão no ambiente, com melhoria na percepção de questões ergonômicas e espaciais. O maior realismo e a interatividade na simulação na escala real permitem maiores discussões e reflexões sobre o ambiente, que não seriam possíveis em outras formas de representação.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Downloads

Publicado

2019-12-10

Edição

Seção

Artigos

Artigos mais lidos pelo mesmo(s) autor(es)