Avaliação de conforto término em estações de trabalho localizadas próximo a fachadas envidraçadas

modelos de ajuste solar

Autores

Palavras-chave:

Solar radiation, Transparent envelope buildings, Thermal comfort model, PMV

Resumo

Embora a exposição à radiação solar tenha forte impacto no conforto das pessoas, estações de trabalho são frequentemente posicionadas junto às janelas. Modelos de ajuste solar vêm sendo desenvolvidos para incluir o impacto da radiação solar no conforto térmico, o que não é abordado nos modelos de Fanger e Adaptativo. Entretanto, esses modelos apresentam diferenças em seus procedimentos de cálculo, as quais não foram amplamente investigadas. Esse estudo teve como objetivo verificar divergências nos resultados de conforto térmico através da aplicação de diferentes modelos de ajuste solar, considerando uma pessoa sentada próximo à fachada envidraçada em um escritório. Dados ambientais foram obtidos por simulação térmica no EnergyPlus para um clima temperado no Brasil. Observaram-se diferenças significativas nos resultados obtidos para um mesmo espaço. Por exemplo, a diferença horária máxima no PMV entre os modelos de ajuste solar foi 1,7 e a MRT foi até 17,6 ºC maior do que o valor médio calculado pelo EnergyPlus. Embora os resultados não tenham sido confrontados com dados de medição ou percepção térmica de pessoas em um ambiente real, as limitações e vantagens de cada modelo de ajuste solar foram analisadas numericamente, ampliando as discussões sobre a necessidade de ajuste solar e as consequências da escolha entre os modelos.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Mônica Martins Pinto, Universidade Federal de Santa Catarina - UFSC

Doctor Student at Environmental Comfort Laboratory (LabCon), Architecture and Urbanism Department, Universidade Federal de Santa Catarina

Fernando Simon Westphal, Universidade Federal de Santa Catarina

Doctor in Engineering, Professor at Architecture and Urbanism Department, Universidade Federal de Santa Catarina

Downloads

Publicado

2022-09-12

Edição

Seção

Edição especial ENCAC