Avaliação da influência da técnica de execução no comportamento de revestimento de argamassa aplicado com projeção mecânica contínua

Autores

  • Kátia Cristina Zanelatto Universidade de São Paulo
  • Mércia Maria Semensato Bottura de Barros Universidade de São Paulo
  • Renata Monte Universidade de São Paulo
  • Fernando Henrique Sabbatini Universidade de São Paulo

Palavras-chave:

Tecnologia de construção, Revestimento de fachada, Revestimento de argamassa, Projeção de argamassa, Desempenho dos revestimentos, Resistência de aderência

Resumo

No Brasil, a execução dos revestimentos de argamassa com projeção mecânica contínua tem crescido nos últimos anos. Embora a utilização desse sistema tenha potencial de contribuir para a melhoria da qualidade dos revestimentos de argamassa, os diferentes procedimentos adotados durante sua produção não foram avaliados sistemicamente. O objetivo deste trabalho é avaliar experimentalmente a influência de algumas variáveis – umidade do substrato; umidade da argamassa; número e espessura das demãos; intervalo entre demãos; técnica de aplicação da argamassa, e técnica de acabamento superficial – no comportamento dos revestimentos executados por projeção mecânica contínua da argamassa, particularmente no que se refere a sua adesão inicial e fissuração e aderência do revestimento. Os resultados obtidos indicaram que a utilização da projeção mecânica contínua da argamassa proporciona um acréscimo significativo da resistência de aderência à tração, em comparação à aplicação manual, e que a técnica de acabamento denominada raspagem pode prejudicar significativamente o comportamento desses revestimentos. Além disso, a condição de umidade do substrato, o teor de umidade da argamassa e o tempo entre demãos são variáveis que interagem fortemente, podendo influenciar positiva ou negativamente o comportamento dos revestimentos.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Kátia Cristina Zanelatto, Universidade de São Paulo

Faculdade de Engenharia Civil da Escola Politécnica -Universidade de São Paulo. Departamento de Construção Civil

Mércia Maria Semensato Bottura de Barros, Universidade de São Paulo

Faculdade de Engenharia Civil da Escola Politécnica -Universidade de São Paulo. Departamento de Construção Civil

Renata Monte, Universidade de São Paulo

Faculdade de Engenharia Civil da Escola Politécnica -Universidade de São Paulo. Departamento de Construção Civil

Fernando Henrique Sabbatini, Universidade de São Paulo

Faculdade de Engenharia Civil da Escola Politécnica -Universidade de São Paulo. Departamento de Construção Civil

Downloads

Publicado

2013-06-26