TESES DE DOUTORADO EM GESTÃO DO ESPORTE NO BRASIL: UMA REVISÃO INTEGRATIVA METODOLÓGICA

Ivan Furegato Moraes, Cacilda Mendes dos Santos Amaral, Flávia da Cunha Bastos

Resumo


 O presente estudo teve como objetivo analisar temáticas e métodos de pesquisa na produção de teses de doutorado em Gestão do Esporte em programas de pós-graduação de IES brasileiras. A pesquisa, de caráter exploratório, descritivo e abordagem mista, foi realizada através de revisão integrativa do tipo metodológica, considerando-se teses defendidas até 2019. Foram identificadas 94 teses, a partir de 1997, com distribuição geográfica desigual no país, majoritariamente produzidas em universidades públicas, em programas de Educação Física e Administração. As teses apresentam diversidade de temáticas, com predomínio de políticas públicas e lacunas quanto a outros temas de pesquisa. Revelaram-se aspectos críticos quanto à estrutura metodológica, com falta de informações quanto à abordagem e aos métodos de pesquisa e de análise. Conclui-se que o panorama da produção acadêmica sobre a área revela defasagens coerentes com as do desenvolvimento científico da área no país.

 


Palavras-chave


Gestão. Esportes. Teses Eletrônicas. Indicadores de Produção Científica.

Texto completo:

PDF-POR


DOI: https://doi.org/10.22456/1982-8918.103915

Direitos autorais 2021 Movimento (ESEFID/UFRGS)

Licença Creative Commons
Este obra está licenciado com uma Licença Creative Commons Atribuição 4.0 Internacional.


Movimento

Escola de Educação Física, Fisioterapia e Dança | Universidade Federal do Rio Grande do Sul | UFRGS
Endereço: Rua Felizardo, 750, Jardim Botânico, Porto Alegre, Rio Grande do Sul, Brasil, CEP 90690-200
E-mail: movimento@ufrgs.br
 

Bases de Dados Indexadoras

 

                            

 

Apoio

 

 

Licença de cópias e declaração de boas práticas de avaliação

 

 Licença Creative CommonsSan Francisco Declaration on Research Assessment